Revista ADEGA
Busca

Vinho - 13.Out

Morre o critico de vinhos, Robert Finigan


Morreu aos 68 anos, em sua casa em São Francisco, Robert Finigan, que nos anos 70 tornou-se foi um dos primeiros a tornar-se autoridade em vinhos com um boletim de auto publicação bimestral. Sua esposa, Suzane, diz que a causa não foi determinada.

Divulgação
Robert Finigan

Finigan, cujo o boletim foi chamado de Guia Privado de Vinhos de Robert Finigan, tornou-se interessado no assunto enquanto estudava em Harvard, onde um dos seus amigos de classe vinha de uma família de produtores de vinho. Ele começou nas férias, na França, quando dedicava a maior parte de seu tempo livre aprendendo sobre vinhos e negócios relacionados.

Depois da faculdade se mudou para São Francisco para trabalhar como consultor de gestão; porém sua coleção de vinhos, trazidos das suas viagens à França, Itália e Espanha, cresceu e comerciantes começaram a pedir sua opinião, e depois de acertar a primeira vez sobre a safra francesa de 1969, sua reputação começou a crescer.

Sua primeira publicação é do ano de 1972, e enviada somente para enólogos na California; em 1977 sua publicação já tinha alcance nacional. Em 1982, com a consolidação da reputação de Robert M. Parker, critico de vinhos americano, que escrevia para o boletim, The Wine Advocate, a influência de Finigan começou a diminuir e em 1990 seu boletim saiu de circulação.

No entando continuou a escrever vários livros, entre eles  "Robert Finigan's Essentials of Wine" (1987) e  "Corks and Forks: Thirty Years of Wine and Food" (2006).

Mais notícias sobre vinhos...

+ Dono de vinhedo constrói adega para vinhos vintage

+ Chuvas causam danos a viticultores em Sonoma County
+Nova lei dinamiza processo de armazenamento de água para vinícolas na Califórnia
Chefe da Comissão de Washington pede demissão
+ É lançado aplicativo que permite comprar vinhos direto pelo facebook
+ Vinho da banda Grateful Dead é lançado

Redação
Publicado em 13/10/2011, às 07h05 - Atualizado em 27/07/2013, às 13h48


Mais Notícias