Revista ADEGA
Busca

Vinho - 7.Nov

Mulheres com peso normal não são beneficiadas por substância do vinho


O Resveratrol, substância presente no vinho que melhora a função metabólica em obesos e diabéticos, não apresenta nenhum desses efeitos em mulheres de peso normal, segundo uma pesquisa.

divulgação

O estudo feito com 29 mulheres de massa corpórea normal e em fase pós-menopausa. Durante duas semanas, metade delas tomou doses de 75 ml de resveratrol e a outra metade recebeu placebo. Os resultados mostraram que não havia diferença no metabolismo,tolerância à glicose ou na composição do corpo.

A pesquisa, que será publicada na edição desta semana da revista Cell Metabolism, descobriu que a pressão arterial, freqüência cardíaca, os níveis de proteína C-reativa (medida para inflamação), LDL, HDL e colesterol total também não foram afetados pelo resveratrol. Em outras palavras, as concentrações no sangue associadas ao resveratrol não tiveram alterações quantificáveis ou beneficios em qualquer medida da função metabólica.

Porém, o Dr. Samuel Klein, autor do estudo e professor de medicina Universidade de Washington, diz que isso não invalida os outros benefícios da substância. "Nós só provamos que esses efeitos não são vistos em pessoas com função metabólica saudável", comenta.

Mais notícias sobre vinhos...

Produtores se juntam contra plano de reforma para os vinhedos europeus
Coleção milionária de vinhos será leiloada
Vinho chileno segue ganhando espaço no Brasil
Vendedores de vinho falam dos danos causados pelo furacão Sandy
Cresce a venda de vinho pelo mundo

Redação
Publicado em 07/11/2012, às 08h50 - Atualizado em 27/07/2013, às 13h48


Mais Notícias