Vinho - 22.Mar - Alta

Na contramão, exportações de Vinho Verde crescem 4,6%


Para muitos países produtores, o ano de 2009 não foi dos melhores. Muitos viram suas exportações despencarem, outros tiveram alta pequena ou quase nula. Este, no entanto, não é o caso de Portugal, especificamente da Região dos Vinhos Verdes.

A Região dos Vinhos Verdes representa 40% das exportações portuguesas
Segundo os dados do Instituto Nacional de Estatística, as exportações de Vinho Verde aumentaram 4,6% em 2009, pulando para 13,6 milhões de litros vendidos e acumulando quase 30 milhões de euros.

Os principais mercados da bebida foram os EUA, a Alemanha, a França e a Angola. Os norte-americanos ocupam a primeira colocação, com quase 3,1 milhões de litros (alta de mais de 27% em relação a 2008).

Na Europa, o mercado de maior destaque foi a França, que aumentou o consumo de 156 mil litros para mais de dois milhões. Mesmo com este crescimento estrondoso, os franceses não conseguiram ultrapassar o consumo dos alemães, que bateu na casa dos 2,3 milhões de litros.

Segundo a CVRCC (Comissão de Viticultura da Região dos Vinhos Verdes), "em tempo de crise, o vinho verde dá o exemplo e aumenta as exportações". Atualmente a região representa 40% das exportações portuguesas de vinho de Denominação de Origem Controlada (DOC) não licoroso.

Confira as últimas notícias do mundo dos vinhos...

+ Cientistas descobrem meio de datar o ano dos vinhos
+ Primeira rede francesa sobre vinhos corre o risco de ser cancelada
+ O Melhor Vinho do Dia: Aos 50 anos do heroi Ayrton Senna!

+ Vinho ajuda a movimentar comércio na páscoa
+ Tannat faz do Uruguai uma estrela em ascensão

Da redação

Publicado em 22 de Março de 2010 às 13:07


Notícias