Revista ADEGA
Busca

Vinho - 09.Jun - Na China

Nomacorc fará pesquisa sobre a ação do oxigênio no vinho


A fábrica de rolhas sintéticas Nomacorc planeja começar um grande programa de pesquisa na China.

Divulgação
A fábrica de rolhas terá sua pesquisa voltada para o mercado de vinhos chinês
Em uma operação conjunta com uma instituição acadêmica chinesa, esse programa será na mesma linha dos já desenvolvidos pela Nomacorc em parceria com a Universidade da Califórnia Davis, Geisenheim, o Wine Australian Research Institute, entre outros.

A pesquisa visa compreender como o oxigênio afeta no desenvolvimento do vinho em garrafa, disse ao site Decanter.com Malcolm Thompson, vice-presidente global de marketink e inovação.

Segundo ele, esse estudo será orientado para o mercado de vinho chinês e específico para vinhos produzidos na China. "Haverá um componente regional e será de variedades específicas, e envolverá um parceiro acadêmico ao nível da WARI".

Nomacorc já tem uma estratégia de parceiria com a Cofco, empresa de gêneros alimentícios gerida pelo governo chinês, e que tem a maior produtora de vinhos do país, Great Wall.

A Nomacorc ajudará a Cofco com a produção e o processo de engarrafamento. "Nós suprimos a China com uma série de produtos que representam nosso alcance global", Thompson disse. "Nós não personalizamos os produtos para a China".

Mais notícias sobre vinhos...

+ Produtores de vinho unem música clássica e modernidade em design de garrafa

+ Venda de Champagne de 200 anos bate "recorde"
+ Produtora australiana compra premiada vinícola na Tasmânia

+ Na Espanha, cai quase 9% consumo de vinho em domicílios

+ Fraudes de empresas de exportação de vinho nos EUA são descobertas

Redação
Publicado em 09/06/2011, às 06h21 - Atualizado em 27/07/2013, às 13h47


Mais Notícias