Revista ADEGA
Busca

14.Ago - Legislação

Nova Iorque planeja mudança na legislação para favorecer mercado vitivinícola


Nova Iorque quer potencializar a venda de vinhos local
O senado do estado de Nova Iorque (EUA) está estudando mudanças em sua legislação com o intuito de favorecer o comércio de vinhos. As chamadas "Blue Laws" (leis azuis) devem ser modificadas para flexibilizar as vendas da bebida no estado e favorecer a expansão de pequenos negócios e da indústria do vinho, que engloba vinícolas, viticultores e empresas provedoras.        

Esse projeto espera aumentar a arrecadação do estado, cuja indústria vitivinícola, a terceira do país, gera anualmente mais de 150 milhões de dólares. "Em tempos difíceis para nossa economia não podemos nos dar ao luxo de mantermos restrições desnecessárias a pequenas empresas na nossa comunidade", afirmou o senador nova-iorquino Ruth Hassell-Thompson.

Para Scout Osborn, presidente Associação da Indústria de Vinhos de Nova Iorque, a medida parece adequada e poderá significar um salto para os produtores locais. "Esta legislação dará a nossa indústria a oportunidade de crescimento que merecemos", acredita.

Não é a primeira vez esse ano que o governo nova-iorquino interfere no mercado vitivinícola local. Em julho, o governador David A Paterson gerou polêmica ao tentar permitir a venda de vinhos em supermercados, o que acabaria com a restrição que garante somente a lojas especializadas o direito de comercializar a bebida.  

Confira as últimas notícias sobre o mundo dos vinhos...

+ Vale dos Vinhedos faz sucesso internacional e sonha em virar DOC
+ Consumo de bebidas alcoólicas cresce no Marrocos

+ Vinícola espanhola é a primeira do país a calcular emissão de CO2

+ Interesse de britânicos por brancos aumenta

+ Lançado nos EUA Big Brother do vinho

Redação
Publicado em 14/08/2009, às 08h49 - Atualizado em 27/07/2013, às 13h46


Mais Notícias