Revista ADEGA
Busca

Vinho - 09.Ago - Legislação

Nova lei em Oregon, EUA, define atividades comerciais permitidas nas vinícolas


A modernização da lei define novas regras em relação aos tipos de atividades comerciais que eles podem conduzir nas suas produtoras de vinho.

Divulgação
Vinícola em Oregon, EUA

A legislação permite às produtoras a operar degustações e fazer eventos em propriedades zoneadas como de uso exclusivo para agricultura. Vinicultores estimam que 60% das produtoras de Oregon residem nesse tipo de terra.

Enquanto isso não afeta as produtoras em áreas de uso não-exclusivo de produção, os vinicultores dentro das zonas designadas talvez tenham que mudar como eles dirigem seus negócios.

As medidas permitem as vinícolas a realizar ilimitados eventos, como tours de vinho e degustações, e vender produtos relacionados com a promoção dos seus vinhos. Elas também podem fazer eventos que não são de marketing, como casamentos e shows, mas eles estão limitados a 25 eventos por ano.

Uma ressalva é que o rendimento desses eventos não pode exceder 25% do lucro total da vinícola.

A lei moderniza a legislação de uso da terra que foi criada em 1989. Seus defensores argumentam dizendo que a indústria vinícola de vinho cresceu substancialmente desde então.

Sam Tannahill, co-proprietário da A to Z Wineworks e presidente da Oregon Wine Growers Association, disse que a lei original era vaga na questão das atividades que poderia ocorrer nas terras agrícolas.

"Nós garantimos o direito de uma vinícola ter uma sala de degustação", disse Tannahill. "Isso não era uma garantia no estatuto de 1989".

A lei também permite que grandes vinícolas tenham um restaurante com serviço completo nas terras agrícolas, se elas tiverem ao menos 160 acres, com 50 sob videiras, e produzir 63 mil caixas por ano ou mais. O restaurante pode ficar aberto apenas 25 dias ao ano, a não ser que a vinícola adquira uma permissão. Tannahill disse que apenas quatro no estado de Oregon têm essas qualificações.

OMelhorVinho.com.br - Aproveite e desguste um Pinot Noir produzido em Oregon, EUA!

Mais notícias sobre vinhos...

+ Grupo de investidores argentinos compra vinícola na Califórnia

+ Colheita na França tem datas revisadas, mas ainda será antecipada

+ Venda de vinho espanhol sobe no Reino Unido

+ Câmeras da NASA instaladas em vinícola nos EUA localizam meteoros e cometas

+ Hong Kong e Xangai acolheram mais de 250 vinhos espanhois em exposição

Redação
Publicado em 09/08/2011, às 09h21 - Atualizado em 27/07/2013, às 13h47


Mais Notícias