Revista ADEGA
Busca

Oeste australiano produz seu primeiro Ice Wine


Enquanto os vinicultores da parte ocidental da Austrália sofreram com o aumento das temperaturas médias, um produtor da região trabalhava com temperaturas congelantes para produzir seu primeiro Ice Wine.  
Tradicionalmente, o Ice Wine é feito em regiões frias da Europa Central e Canadá, a partir de uvas que foram naturalmente congeladas nas vinhas, devido às temperaturas abaixo de zero. Porém, a vinícola Margaret River, comandada por Clive Otto, está investindo energias na produção de uma espécie de Ice Wine congelado artificialmente, uma vez que o clima australiano impede o congelamento de uvas.   As uvas Chardonnay foram colhidas normalmente, sem a necessidade de temperaturas negativas na hora da colheita, durante a noite, e logo em seguida armazenadas num freezer comercial com -16ºC. No dia seguinte, as frutas, que estavam com níveis entre 13º baume, foram então prensadas em alta pressão. "Ficamos muito excitados quando vimos os níveis de açúcar entre 17 e 21,5º baume", exclamou Otto, que é o primeiro produtor do oeste da Austrália a fabricar "Ice Wine". "Eu ouvi histórias de um produtor da Tasmânia que está produzindo um Ice Wine com Riesling com métodos parecidos, então decidi testar com as nossas Chardonnay. Já somos internacionalmente conhecidos e acho que isso vai nos tornar ainda mais atraentes", finalizou.  

Mais notícias sobre vinhos...

Cientistas encontram substância antienvelhecimento no vinho tinto

+Gerard Basset é eleito o Homem do Ano pela Decanter

+Vinho de Jolie e Pitt esgota em menos de cinco horas

+Nova categoria de Chianti é anunciada

+Espumante inglês é servido no Paris Fashion Week pela primeira vez

Redação
Publicado em 12/03/2013, às 14h11 - Atualizado em 27/07/2013, às 13h48


Mais Notícias