Mundo Vino

Ovo de rocha do terroir

Vinícola chilena está criando cubas ovais a partir de rochas de seu vinhedo


 

Os ovos de cimento ou barricas em formas ovais para fermentar ou estagiar o vinho não são novidade no mundo. Mas a vinícola Valle Secreto, do Chile, está fabricando seus próprios ovos de concreto usando como matéria-prima rochas de suas vinhas. Esses recipientes serão usados para envelhecer uma nova variedade de vinhos chamada Origen. 

LEIA MAIS

» Vinificação em ovos de concreto

» Por que usar ovos de concreto?

“Em 2017, enquanto visitávamos nossas vinhas em Alto Cachapoal, decidimos replantar um

 

hectare de videiras de Cabernet Sauvignon sobre o que então era Syrah. Depois de trabalhar o solo, descobrimos mais rochas do que o esperado. Queria fazer algo diferente e também queria encontrar uma maneira de usar essas rochas. Então a ideia veio”, disse a enóloga Alejandra Vallejo. 

 

Após um processo que envolveu a trituração manual das rochas aluviais, a vinícola produziu seu primeiro ovo de 2.000 litros, feito com uma mistura de concreto com adição de pedra das vinhas. O primeiro vinho a ser testado foi um Cabernet Franc. Agora, além disso, ela está produzindo outras variedades como Petit Verdot, Syrah e Cabernet Sauvignon. 

“Os ovos não são alinhados, pois queríamos manter as coisas naturais, mas também queremos controlar a levedura que usamos durante a fermentação. Então limpar o ovo é muito difícil e não podemos garantir que podemos eliminar toda a levedura. Temos que usar água quente em alta pressão  não podemos usar enxofre, pois isso danifica o ovo”, aponta.

Confira a lista de vinhos do Valle Secreto que a ADEGA já degustou.

» Receba as notícias da ADEGA diretamente no Telegram clicando aqui  

 

Da redação

Publicado em 18 de Setembro de 2020 às 17:00


Mundovino ovo cimento vinho secreto