Revista ADEGA
Busca

Azeite - 10.Mar - Pesquisa

Pesquisa brasileira aponta que o azeite ajuda no combate à obesidade


Uma pesquisa realizada pela Universidade de Campinas (UNICAMP) mostra que o azeite de oliva pode ajudar no combate à obesidade. No estudo foi constatado que, uma dieta rica em gordura saturada promove a lesão de uma região do cérebro chamado hipotálamo, cuja função é ter o controle da fome e do gasto energético, fazendo que muitas pessoas se tornem obesas.

Neste caso vai entrar a importância do azeite, pois o mesmo traz a sensação de saciedade, ou seja, os ácidos graxos monoinsaturados presentes no produto, impedem a inflamação da região do hipotálamo, evitando a obesidade e aumenta a produção do hormônio GLP 1 no intestino, responsável por promover a saciedade.

Segundo nutricionistas, o ideal é o consumo que gira em torno de 15 ml a 30 ml por dia. Além do azeite, outros produtos como óleo de canola, óleo de amendoim, amendoins, nozes e abacates possuem ácidos graxos.

Redação
Publicado em 10/03/2011, às 09h55 - Atualizado em 27/07/2013, às 13h47


Mais Notícias