Revista ADEGA
Busca

Vinho - 31.Jan

Pesquisadores portugueses criam vinho antialérgico


O departamento de Química da Universidade de Aveiro, em Portugal,  desenvolveu um método para produzir vinho branco sem usar sulfito, que por vezes provoca reações alérgicas em alguns consumidores.

O coordenador do projeto, Manuel Coimbra, explica que é possível fazer vinho sem sulfito, mas são necessários cuidados especiais para que esse não oxide e degrade;

Divulgação
Coordenador do projeto, Manuel Coimbra

Porém com o novo método não é necessário nem o sulfito, nem os cuidados especiais, pois a adição de uma substancia chamada quitosana protege o vinho e evita reações alérgicas nos consumidores.

A quitosana é um polissacarídeo  produzido a partir da  quitina, esta substância desenvolveu uma película que, quando posta em contacto com o vinhos branco, consegue preservá-lo a nível microbiológico e manter as suas características, não se diluindo neste.

As experiências dos últimos dois anos têm sido muito prometedoras. "Fizemos meia dúzia de garrafas com este método e numa prova cega os enólogos do Dão Sul consideraram o vinho como sendo de grande qualidade".

Além de tornar o vinho mais acessível a para todos os consumidores, este método não encarece a produção. A Dão Sul já está produzindo 500 litros de vinho com a aplicação deste método.

Mais notícias sobre vinhos...

Festival de gastronomia apresenta peças com vinho como tema
Brasil bate recorde de importação de vinho
Grupo espanhol cria cápsula antioxidante feita de uvas viniferas
Uruguai abre museu do vinho e da uva
Chinês é condenado a prisão perpétua por importação ilegal de vinhos finos
Corte de Bordeaux rejeita iniciativa para a construção de um acampamento para vi...

Redação
Publicado em 31/01/2012, às 07h56 - Atualizado em 27/07/2013, às 13h48


Mais Notícias