Revista ADEGA
Busca

Vinho - 02.Ago - Lançamento

Príncipe de Luxemburgo pretende lançar o primeiro super-premium de Bordeaux


O Príncipe pretende lançar o primeiro super-premium de Bordeaux 
Apesar dos novos planos da região de Bordeaux de abolir qualquer vinho simples produzido em seu território, o Príncipe Robert de Luxemburgo - dono de duas das mais prestigiadas propriedades de Bordeaux, os châteaux Hault-Brion e La Mission Haut-Brion - espera melhorar seus negócios apostando em preços baixos.

Há algum tempo, o Príncipe se reuniu com a Luxist para tentar mudar a estratégia de vendas de sua outra vinícola bordelense, a Domaine Clarence Dillon. A solução foi a criação do Clarendelle, um vinho que ele espera que se torne o primeiro super-premium de Bordeaux.

Nomeada em homenagem ao bisavô materno do Príncipe, a bebida será vendida a um preço menor do que os outros vinhos da família real de Luxemburgo. Custará entre 15 e 25 dólares, uma diferença gritante em comparação com as garrafas dos "châteaux reais", que costumam custar mais de 300. O motivo do preço está no fato de muito pouco do vinho ser produzido no Domaine Clarence Dillon. A maior parte das uvas vem de outras vinícolas da região.

ESPECIAL:Há algo de podre no reino de Sauternes - O famoso vinho de uvas botritizadas do Château d'Yquem encanta o mundo

Confira as últimas notícias do mundo dos vinhos...

+ Vinho é o preferido entre mulheres e consumidores mais velhos, diz estudo
+ Exportação de vinhos espanhóis cresce pelo quinto mês consecutivo

+ Produtora de vinhos faz campanha para limpar praias dos EUA

+ Organização promoverá vinhos franceses em teatro de Londres
+ Vinicultores franceses aguardam colheita de 2010

Redação
Publicado em 02/08/2010, às 13h08 - Atualizado em 27/07/2013, às 13h47


Mais Notícias