Produtora romena investe no mercado britânico

Cramele Recas amplia emprego de recursos para dar conta do crescimento das vendas desde 2014, principalmente no Reino Unido


Cramele Recas, Romênia

A produtora romena Cramele Recas aumentou suas vendas anuais em 15% em 2014. Para acompanhar a demanda, a vinícola anunciou que quer criar uma nova linha de vinhos em novembro próximo, com foco no Reino Unido, local para onde exporta a maioria de seus produtos.

O crescimento de vendas recentes permitiu à vinícola aumentar seu investimento anual de € 3,5 milhões para € 5 milhões. O sucesso no Reino Unido tem sido atribuído à listagem recente de rótulos como Londis, Nissa e Asda, bem como ao comércio com Michel & Butler, Greene King, Adams e Matthew Clarke.

“O aumento da demanda deu-se por meio de novas listagens e parceria com o mercado Penny, o que levou a um aumento do investimento em novas linhas de engarrafamento, capacidade da adega, vinhas e equipe. Com toda essa nova infraestrutura, estamos confiantes de que podemos satisfazer a crescente procura de vinhos romenos”, disse Philip Cox, diretor da Cramele Recas.

As vendas para 2015 já estão acima de 20% do previsto, com 30% da produção exportada para o Reino Unido. Recas foi fundada em 1998, e tornou-se uma das maiores produtoras de vinho da Romênia. Ela exporta cerca de 4,2 milhões de garrafas por ano para os britânicos, e produz vinhos provenientes de castas, em grande parte indígenas, incluindo Feteasca Neagra, Feteasca Regala, Feteasca Alba, Cramposie Selctionata, Negru de Dragasani e Novac, bem como Pinot Grigio.

Da redação

Publicado em 14 de Julho de 2015 às 16:44


Notícias