Revista ADEGA
Busca

Vinho - 30.Jun - Mercado

Produtoras espanholas procuram vinícolas em áreas emergentes


Duas produtoras espanholas estão investindo em novas áreas vinícolas emergentes. Felíx Ramos pretende adquirir uma propriedade em Penedès, para que assim possa ser produzida uma Cava para completar sua série, enquanto que González Byass listou a área de Rias Baixas como prioritária.

Divulgação
Vinícola em Rias Baixas
Felíx Ramos, diretor de exportações da empresa, disse que sua empresa faria sua própria vinícola ou adquiriria um negócio já existente.

A companhia é dona da famosa marca Viña Albali, e recentemente lançou vinhos da Ribeira del Duero e La Mancha. "Nós estamos tentando aprofundar o alcance e estender a oferta", disse Ramos.

A empresa também está tentando focar no comércio "on-trade" (consumo dentro das instalações onde o produto é adquirido). "Vinícolas não muito grandes estão fazendo essa distinção, e nós temos um abordagem bem detalhada", ele adicionou.

González Byass disse que a companhia está procurando propriedades no Rias Baixas, Ribera Del Duero e Rueda. Ele disse que ele está procurando ativamente uma marca que se encaixe no seu portfólio.

González também está focado em ter uma presença maior no Reino Unido. Ele disse que estava "bem posicionado no xerez", e que queria focar mais no vinho.

Ele acredita que agora é a real oportunidade para o xerez. "Nós perdemos uma geração de consumidores que não queria beber as mesmas coisas que suas mães e avós. Mas agora nós temos uma novíssima geração que está aberta a novos alimentos e diferentes vinhos."

Mais notícias sobre vinhos...

+ Produtores de todo o mundo se reúnem em teatro na França para divulgar vinhos

+ Produtores de todo o mundo se reúnem em teatro na França para divulgar vinhos

+ Loja nos EUA produz "vinho" sem uvas

+ Transporte de vinho direto ao consumidor cresce nos EUA

+ Austrália vive crise na indústria do vinho

Redação
Publicado em 30/06/2011, às 10h25 - Atualizado em 27/07/2013, às 13h47


Mais Notícias