Vinho - 23.Nov.

Rio Grande do Sul terá rota de Vinhos de Altos Montes


O estado do Rio Grande do Sul ganhará uma nova de rota de vinhos, a Rota dos Vinhos de Altos Montes na Serra Gaúcha, nas cidades de Flores da Cunha e Nova Pádua que fica a duas horas de Porto Alegre.

Divulgação

O roteiro passa por 11 vinícolas: Casa Venturini, Fabian, Luiz Argenta, Mioranza, Nova Aliança, Oremus, Panizzon, Salvador, Terrasul, Valdemiz e Viapiana.

De acordo com o secretário de Turismo de Flores da Cunha, Floriano Molon, a cidade possui 4500 hectares de vinhedos plantados e 190 vinícolas. "Somos o maior produtor de vinho e uva do Brasil com 100 milhões de litros produzidos por ano," disse ele.

Segundo ele, Bento Gonçalves, um dos destinos enoturísticos mais conhecidos do estado, produz somente a metade. "Alcançamos essa produção por causa do vinho de mesa, mas eles lideram quando o assunto é vinho fino" explica.

"Para os vinhedos, quanto maior a amplitude térmica, maior a coloração das uvas e, junto com a fertilidade do solo rico em nutrientes, temos como resultado vinhos de boa estrutura, aroma e acidez, de sabor inigualável", afirma o presidente da Associação de Produtores dos Vinhos dos Altos Montes e sócio-proprietário da Terrasul Vinhos Finos , Paulo Tonet.

A região dos Altos Montes, como é conhecida, possui cerca 600 a 800 metros acima do nível do mar, mais alta que o Vale dos Vinhedos que possui altitude média de 690 metros.

Mais notícias sobre vinhos...

Agas pede mais tempo para adoção do selo de IPI para vinhos e espumantes
Pesquisa afirma que vinho ajuda a prevenir câncer de pulmão
Vinícolas de Oregon protestam contra lei que limita o transporte direto para con...
Museu de vinhos espanhol promove degustações noturnas para atrair jovens
Vinícola brasileira utilizará resíduos de uvas para produzir energia

Da redação

Publicado em 23 de Novembro de 2011 às 09:11


Notícias