Robert Parker processa Antonio Galloni por fraude e difamação


A Wine Advocate, publicação de Robert Parker, está processando seu ex-crítico de vinhos da Califórnia Antonio Galloni por quebra de contrato, fraude e difamação.

Galloni, que foi contratado por Robert Parker para ser o responsável pela crítica de todos os vinhos californianos por 300 mil dólares por temporada, demitiu-se no início do ano, depois de um grupo de investidores de Cingapura comprar parte da publicação.

Na época, ele estava no meio de em extenso relatório sobre os vinhos de Sonoma, mas não entregou a Parker, alegando que não seria capaz de, em pouco tempo, fazer justiça a diversidade da região (ele teria que entregar os relatórios em fevereiro).

Agora, a Wine Advicate está processando o norte-americano por quebra de contrato e pela "retenção intencional e injustificável" de suas notas de degustação. O processo ainda vai além, afirmando que Galloni viajou as custas da publicação quando, na verdade, fez isso apenas para seu próprio benefício, e o acusa de difamação, uma vez que disse ao The New York Times que os novos acionistas da empresa poderiam comprometer sua independência.

Mais notícias sobre vinhos...

+ Depois de deixar sistema "en primeur", Latour põe safra de 1995 no mercado

+ Consumo de espumantes cresceu 170% na última década

Pesquisas sugerem que vinho tinto pode manter o corpo equilibrado

"Paisagem cultural do vinho" é candidata a Patrimônio da Humanidade

+Leilão de vinhos de Henry Tang arrecada 4,5 milhões de euros

Da redação

Publicado em 21 de Março de 2013 às 10:12


Notícias