Revista ADEGA
Busca

Café - 08.Jul - Saúde

Substância do café somada à cafeína pode previnir Alzheimer, diz estudo


Divulgação
Estudos recentes mostraram que grandes doses de cafeína podem ajudar a prevenir ou atrasar os sintomas do mal de Alzheimer. Um novo estudo, porém, mostra que é um componente ainda não identificado que interage com a cafeína e é uma possível arma contra essa doença.

Usando camundongos criados para desenvolver os sintomas do Alzheimer, pesquisadores da University of South Florida descobriram que o café causa um aumento em níveis sanguíneos de um fator de crescimento chamado GCSF, ou fator estimulante de colônias granulócitas.

A substância, que diminui consideravelmente em pacientes com Alzheimer, tem demonstrado melhoras na memória dos camundongos com a doença.

No estudo, pesquisadores compararam efeitos de café com cafeína, descafeinado e apenas cafeína. Apenas o café com cafeína estimularam o GCSF.

Os pesquisadores disseram que as descobertas, divulgadas em junho no periódico Journal of Alzheimer's Disease, providenciam a primeira evidência que apenas o café com cafeína oferece proteção contra a doença, e não outras bebidas que contém cafeína.

"O café com cafeína oferece um aumento natural nas quantidades de GCSF no sangue", disse o autor do estudo, Dr. Chuanhai Cão, do Health Byrd Alzheimer's Institute da universidade. "A maneira exata que isso ocorre ainda não é compreendido".

Os pesquisadores esperam identificar o componente para que assim o café e outras bebidas com cafeínas possam ser enriquecidos com ela, pra prevenir a doença. Cão disse que a identificação pode levar um ano ou mais.

O estudo da USF envolveu camundongos, e resultados de pesquisas com esses animais nem sempre são exatamente iguais a resultados com humanos. Mas estudos de observação anteriores em humanos relataram que o café diário durante a meia-idade diminui o risco de Alzheimer.

Mais notícias sobre vinhos...

+ Grife de bolsas cria mala exclusiva para transportar vinhos

+ Feira de vinho nos EUA comemora 10 anos em setembro

+ Para promover seus vinhos, clube de vantagens para consumidores homônimos a vinícola da Califórnia

+ Entre os consumidores britânicos, casta é o primeiro fator para escolher vinho

+ Manual de degustação para amadores e profissionais é lançado na Europa

Redação
Publicado em 08/07/2011, às 10h14 - Atualizado em 27/07/2013, às 13h47


Mais Notícias