Vinho - 12.Dez

Suspeito de estragar 6 mil litros de vinho em ataque na Itália é preso


De acordo com um jornal italiano, um suspeito do caso Basse - onde foram estragadas 62 mil litros de vinho - foi preso. Ele é um ex-funcionário da vinícola.

divulgação
Gianfranco Soldera

O primeiro relatório sugere que o ataque pode ter sido feito por uma organização criminosa, porém, o jornal tem a teoria de que o crime foi, aparentemente, uma retaliação do ex-funcionário. O agressor entrou por uma janela quebrada e derramou 10 barris de vinhos com safras de 2007, 2008, 2009, 2010, 2011 e 2012. A perda foi de cerca de 10 milhões de euros.

Só sobraram pequenos barris de cada uma das safras, que se tornaram raridades. O proprietário Gianfranco Soldera suspendeu as vendas dos vinhos para afastar os especuladores. Os preços já chegam a 800 euros por garrafa em alguns mercados, como os EUA.

Mais notícias sobre vinhos...

Alemanha registra safra promissora de Ice Wine
Ferrari Fratelli planta vinhas mais altas para fugir dos efeitos da mudança clim...
Justiça proibide propaganda de vinho na televsão antes da 21 h
Empresa cria corante feito de vinho para jeans
Vinícola australiana lança kit de vinhos com 100 anos

Da redação

Publicado em 12 de Dezembro de 2012 às 11:45


Notícias