Revista ADEGA
Busca

Vinho branco nasceu de uma mutação de três mil anos


Recentes pesquisas de pesquisadores australianos revelaram a descoberta de um par de mutações antigas nos genes que dão às uvas sua cor vermelha, e que deu origem às primeira variedades brancas há mais de três mil anos.

Os pesquisadores já sabiam que o vinho branco possui origens antigas, após a descoberta de resíduo do líquido encontrado na tumba de faraós egípcios. Mas estudos comprovaram que o ancestral de todas as uvas modernas era vermelho. A nova pesquisa, conduzida pela agência nacional de ciência da Austrália, identificou um segundo gene envolvido no trajeto de regulações de cores que levaram à mutação para variedades de uvas brancas. Segundo os cientistas, ambas as mutações foram necessárias para clarear a fruta.

Fernando Roveri
Publicado em 09/04/2007, às 14h22 - Atualizado em 27/07/2013, às 13h44


Mais Notícias