Revista ADEGA
Busca

Vinhos e perfumes vão para o lixo no Japão


O Aeroporto Internacional de Narita, no Japão, jogou no lixo centenas de garrafas de bebidas e perfumes descartadas por passageiros por causa da nova regulamentação que proíbe o transporte de grandes quantidades de líquidos na bagagem de mão durante os vôos internacionais.

No dia 15 de março, os funcionários do aeroporto descartaram certa de 1.600 garrafas de vinho e outras bebidas e certa de 350 embalagens de perfume e cremes. O Ministério da Terra, Infraestrutura e Transporte impôs restrições severas sobre a quantidade de líquidos que podem ser levadas nos vôos que saem do Japão.

Desde o começo de março, os aeroportos internacionais japoneses começaram a seguir os limites internacionais, ou seja, só podem ser transportadas embalagem de até 100ml, todas devem estar dentro de sacos plásticos transparentes e o volume total por passageiro não pode ultrapassar 1 litro. No aeroporto de Narita, os passageiros foram incentivados a descartar voluntariamente produtos como garrafas caras de vinho e perfumes.

Fernando Roveri
Publicado em 19/03/2007, às 15h16 - Atualizado em 27/07/2013, às 13h44


Mais Notícias