Vinho - 27.Nov - Exportações

Vinhos Super Premium e Ultra Premium argentinos alavancam exportações


Os vinhos dos segmentos Premium e Ultra Premium foram os responsáveis por alavancar o crescimento das exportações argentinas nos últimos seis anos, segundo uma análise realizada pelo site Área Del Vino.

O segmento de vinhos Ultra Premium (de 40 a 360 dólares) foi o que mostrou maior crescimento entre 2002 e 2008, com um salto de 44%. O principal país importador nessa categoria de preços foi os EUA. A bebida Ultra é também a que tem maior dispersão de marcas, 799 no total. 

As exportações de vinho Super e Ultra Premium foram as que mais cresceram entre 2002 e 2006

Já nos vinhos Super Premium (que vão de 27 a 40 dólares), a taxa de crescimento foi de 35% anuais, mas com menos marcas integrantes, 414. Os vinhos Premium (entre 20 e 27 dólares) também se destacaram, mas com aumento de 24% e 291 rótulos. Nesta categoria os EUA foram também os responsáveis pelo incremento nas exportações.

Em contrapartida, o Canadá foi o mercado que mais ajudou o segmento Popular Premium (que vai de 13 a 20 dólares), que teve ritmo de crescimento de 25% nos últimos anos. Já a categoria básica foi a que menos cresceu, com alta de apenas 13%.  

A análise global de exportações de vinhos argentinos indicou ainda que entre 2002 e 2009, as vendas do país para o exterior cresceram com taxas anuais de 30% em valor e 20% em volume.

Confira as últimas notícias sobre o mundo dos vinhos...

O Melhor Vinho do dia: Vinho e Ferrari!
+ Demanda por vinhos mais baratosanima o mercado global

+ França destrona Itália como maior produtora de vinho do mundo

+ Brasil se torna um dos principais importadores de vinho chileno

+ 75% dos Holandeses bebem vinho frequntemente, diz pesquisa

Da redação

Publicado em 27 de Novembro de 2009 às 12:42


Notícias