Revista ADEGA
Busca

Vinícola Aurora fica desfalcada


Após 12 anos como superintendente da Vinícola Aurora, Hermes Zaneti anunciou seu desligamento da cooperativa. O executivo deixa a empresa para se dedicar exclusivamente à luta pelos interesses do setor vitivinícola nacional na Câmara Setorial da Cadeira Produtiva da Uva e do Vinho, organização que preside desde sua criação. Segundo a assessoria da vinícola, a saída de Zaneti não é algo repentino, e sim, fruto do amadurecimento da situação financeiramente saudável e de franco crescimento da companhia, além de seu desejo pessoal. Zaneti, eleito para o comando da Aurora em 1996, quando a empresa passava por sérias dificuldades financeiras, aumentou em quatro vezes seu faturamento. Além disso, transformou-a na maior e mais premiada vinícola brasileira, que já foi considerada líder nacional de venda em supermercados de vinhos brancos e tintos, segundo o estudo Nielsen/Apas publicado na Revista Supervarejo. Esse ranking, que aparece desde 2006 na revista, sempre teve a Aurora na liderança nacional de vinhos. O administrador e também ex-deputado oficializou seu desligamento da empresa de Bento Gonçalves (RS) através de uma carta encaminhada ao Conselho de Administração, na qual diz ter cumprido sua missão e agradece a todos que trabalharam pela empresa. Segundo ele, "foram 12 anos dedicados à família Aurora. Agora que a vinícola está de pé, gostaria de me despedir. Não sem antes dizer um grande muito obrigado a todos que colaboraram para construir essa empresa, em especial aos funcionários e associados". Ele sai muito grato a todos da Aurora pela confiança que nele depositaram nesses anos todos e com o reconhecimento da empresa pela valiosíssima e inestimável contribuição que proporcionou. A assessoria da Aurora não anunciou o nome de um novo presidente, pois alega que as funções de Hermes Zaneti passarão a ser exercidas em conjunto pelo Conselho e Diretoria. Não haverá assim uma mudança de pessoas, mas sim, na forma de gerir. Essa nova fase tem nomes fortes como o diretor comercial Alem Guerra, o presidente do Conselho Administrativo Zeferino Riboldi e seu vice, Santo Dal Ponte.

Redação
Publicado em 02/09/2008, às 13h56 - Atualizado em 27/07/2013, às 13h45


Mais Notícias