Vinho - 01.Jul - Ecologia

Vinícola espanhola aposta na agricultura orgânica


Porta da vinícola José Luís Ferrer
Desde a sua fundação, em 1931, a vinícola espanhola José Luís Ferrer, vendida sob a denominação de origem de Mallorca, seguiu um caminho de constantes renovações e adaptações aos tempos e às técnicas desenvolvidas para a produção de vinhos. Pioneira em vários campos ao longo de seus quase 80 anos, a vinícola aposta hoje em uma variedade de vinhos provenientes de uma agricultura biológica.

José Luís Ferrer, avô do atual diretor, fundou a empresa que leva seu nome em um período difícil para a produção de vinhos em Mallorca, uma época marcada pela subsequente guerra civil e pela economia de subsistência. Ainda assim, o vinicultor se manteve firme na ilha e sua vinícola foi pioneira no desenvolvimento e refino de vinhos envelhecidos em garrafa.

Há três anos, a vinícola começou a cultivar 14 de seus 94 hectares de vinhas com técnicas de agricultura orgânica. Para o diretor José Luis Rosas, a mudança para esse tipo de cultivo significa "voltar a crescer com os tratamentos e tipos de adubos que o meu avô utilizava há 40 ou 50 anos atrás: adubos naturais ao invés de químicos e a proibição do uso de herbicidas ou enxofre no controle de pragas".

Depois de quase 80 buscando evoluir cada vez mais, a vinícola José Luís Ferrer aposta nas mudanças do mercado à agricultura biológica. Rosas afirma que a demanda por vinhos provenientes desse tipo de cultivo é cada vez maior. De acordo com ele, é esperado um aumento do mercado na Suíça, na Alemanha e no Reino Unido.

Confira as últimas notícias do mundo dos vinhos...

+ Denominações de safra 2009 causam polêmica na Espanha

+ Inverno ajuda a consolidar o Vale dos Vinhedos como atração turística

+ Mudam as regras para denominação dos vinhosBeaujolais
+Bilionários escoceses produzem vinho em ilha do Canal da Mancha

+França e Chile são os grandes premiados em festival em Bordeaux

+ Chateaux em miniatura se tornam decoração de armários para vinhos

Da redação

Publicado em 1 de Julho de 2010 às 07:23


Notícias