Revista ADEGA
Busca

12.Ago - Vinícola espanhola calcula emissão de CO2

Vinícola espanhola é a primeira do país a calcular emissão de CO2


Garrafa do Piedra Luenga Bio, o Vinho Ecológico
A Bodegas Robles acaba de se tornar a primeira vinícola espanhola a calcular as emissões de CO2 na produção de seus vinhos.

A medição das liberações dos gazes que causam o efeito estufa será feita na produção do P.X. Piedra Luenga Bio -também chamado de Vinho Ecológico.

Essa inovação na produção de vinhos e na luta pela sustentabilidade só foi possível graças a um projeto que, liderado pela Associação de Produtores Ecológicos da Andaluzia (EPEA), busca medir e verificar a quantidade desses gases gerada em toda a vida do produto, desde a aquisição das matérias-primas até a gestão dos resíduos.

O objetivo da iniciativa é obter ferramentas válidas e certificadas que permitam tanto aos produtores como aos consumidores saberem qual é a contribuição de um produto específico para reduzir os efeitos das alterações climáticas.

País com a maior área destinada à produção de vinho, a Espanha não registrara ainda em sua história nenhuma ação voltada para fomentar uma produção mais sustentável deste gênero.  

O projeto, que é impulsionado pela EPEA, conta com assistência técnica da AFHA Consultores e da Det Norske Veritas (DNV), que desenvolveram as metodologias de cálculo e verificação de resultados, com o apoio da Junta de Andaluzia.

Mais notícias sobre o mundo dos vinhos...

+ Começa a colheita na Califórnia

+ Vinho de US$ 20 mil roubado nos EUA é devolvido

+ Portugal planeja criação da "Rota do Vinho" nos Açores

+ Exportações de La Rioja alcançam 136 milhões de euros no primeiro semestre
+ O Melhor Vinho do dia: Para amenizar a ausência de Schumacher!

Redação
Publicado em 12/08/2009, às 10h53 - Atualizado em 27/07/2013, às 13h46


Mais Notícias