Revista ADEGA
Busca

Vinho - 2.Out.

Vinícola inglesa quer se tornar padrão de sustentabilidade


Uma vinícola inglesa quer se tornar padrão de sustentabilidade mundial para a produção de vinho. De acordo com o proprietário, Mark Driver, a Rathfinny Estate, em East Sussex, será a maior e mais ambientalmente amigável na Inglaterra.

divulgação

As construções começaram a pouco e os primeiros 20 hectares de vinhas - Chardonnay, Pinot Noir e Pinot Meunier - estão planejados para serem plantados em março do próximo ano na propriedade de 240 hectares perto de Alfriston. O projeto, de 10 milhões, quer lançar o primeiro vinho espumante de Sussex em 2016 e ter uma produção que antinja um milhão de garrafas por ano.

Rathfinny irá usar técnicas sustentáveis e com baixas taxas de carbono, incluindo o uso de células fotovoltaicas para gerar energia solar, um telhado plantado com flores para auxiliar o isolamento do calor e sombreamento de dois lados para reduzir a necessidade de ar condicionado.  A água será tirada do poço da propriedade e tratada para voltar ao terreno. "Todos os aspectos da construção da vinícola foram pensados para produzir espumantes de alta qualidade. E temos uma abordagem intransigente para assegurar que será uma das vinícolas mais tecnológicas e sustentáveis do mundo", conta Driver.

Mais notícias sobre vinhos...

Romênia pode ser importante para a produção vinícola no futuro
Especialistas avisam que preços de vinho franceses não subirão
Nova lei estende profissão de enologia para formados em curso técnico
Pessoas que bebem de forma responsável são mais felizes
Nyetimber lança primeiro espumante demi-sec produzido na Inglaterra

Redação
Publicado em 02/10/2012, às 08h27 - Atualizado em 27/07/2013, às 13h48


Mais Notícias