Tchau, cefaleia

Aparelho promete remover sulfitos dos vinhos

Introduzido para prevenir oxidação prematura, componente pode causar dores de cabeça


Depois de arrecadar US$ 300 mil por meio da doação de milhares de investidores por crowdfunding, o químico James Kornacki desenvolveu um aparelho compacto capaz de retirar os sulfitos dos vinhos. Batizado de Ullo, o dispositivo pode ser acoplado em diferentes tipos de taças e decanters, filtrando e eliminando da bebida o componente químico acusado de causar dores de cabeça em pessoas com maior sensibilidade.

Permitidos com a finalidade de prevenir a oxidação prematura da bebida, os sulfitos normalmente só não são encontrados nos rótulos de alguns vinhos denominados naturais ou orgânicos. Desenvolvido em parceria com agência de desing Minimal, o purificador Ullo também serve para aerar o vinho. Comercializado desde setembro, o aparelho pode ser comprado no próprio site da startup por US$ 79,90.

Da redação

Publicado em 20 de Outubro de 2016 às 17:28


Notícias