Revista ADEGA
Busca

Terroir Brasil

Aurora encerra a colheita 2022 com avaliação excelente das uvas

Segundo dados preliminares, a safra do estado do RS deverá fechar com um volume entre 600 e 650 milhões de quilos de uvas


Boa qualidade, mas uma safra 27% menor do que o volume de 2021
Boa qualidade, mas uma safra 27% menor do que o volume de 2021

Foram 66 milhões de quilos de uvas colhidas pelos cooperados da Vinícola Aurora nesta safra 2022, encerrada na semana passada. Esse volume é um pouco superior ao registrado na famosa safra 2020, considerada uma colheita excelente por centenas de produtores do Rio Grande do Sul.  Mas é 27% menor do que o volume de 2021, que teve o recorde histórico de 91 milhões de quilos de uvas.

O mais importante, no entanto (e que interessa a todos nós), é a qualidade dessas uvas. Produtores de todo o estado do RS sofreram com a estiagem, particularmente forte na Serra Gaúcha (maior região produtora de uvas finas do país) e havia uma incerteza sobre a quantidade e a qualidade da uva nos 11 municípios da Serra onde a Aurora tem cooperados. "Tínhamos prognósticos mais modestos neste ano, mas o trabalho preventivo realizado ao longo de todo o ciclo vegetativo e o incentivo à irrigação em algumas áreas, reduziram os impactos da seca e nos deram essa bela colheita", explica Maurício Bonafé, coordenador agrícola da vinícola.

Pedir para um enólogo - principalmente um que trabalha com 60 variedades de uvas e faz muitos rótulos - escolher as melhores uvas que chegaram na vinícola é quase como pedir para um pai escolher o filho preferido (ele tem um sim, mas não vai contar). “Seria injusto citar uma ou outra variedade como destaque, já que a qualidade de todas se apresentou de forma muito positiva. Nas tintas destaco a maturação fenólica que permitirá a extração de taninos em um nível muito bom para a elaboração de grandes vinhos, como na Pinot Noir, Cabernet Sauvignon e Merlot. Já nos brancos, a sanidade da fruta foi algo que chamou muito a nossa atenção, tanto nas cultivares mais precoces como as tardias, como a Chardonnay e a Riesling Itálico”, garante Flávio Zílio, enólogo-chefe da Aurora.

Segundo dados preliminares, a safra do estado do Rio Grande do Sul deverá fechar com um volume entre 600 e 650 milhões de quilos de uvas. Isso significa que apenas a produção da Vinícola Aurora corresponde a aproximadamente 12% das uvas colhidas no Estado.

» Receba as notícias da ADEGA diretamente no Telegram clicando aqui

Silvia Mascella Rosa
Publicado em 26/03/2022, às 16h00


Mais Mundovino