Dominic Symington é nomeado diretor da Primum Familiae Vini

Representante da Symington Family States, de Portugal, assume a mais prestigiada associação de famílias tradicionais do mundo do vinho


 

Família Symington

Dominic (à esquerda) com outros membros da família

A Primum Familiae Vini (PFV) é uma associação das maiores e mais tradicionais famílias produtoras de vinho do mundo fundada em 1992. Ela tem espaço para apenas 12 sócios (o número de garrafas de uma caixa) e conta com nomes como Miguel Torres, Hugel & Fils, Egon Muller Scharzhof, Maison Joseph Drouhin, Marchesi Antinori, Château Mouton Rothschild, Famille Perrin, Vega Sicilia, Tenuta San Guido, Pol Roger e Symington.

 

A cada dois anos, um membro de uma família assume a diretoria para coordenar as ações da PFV mundo afora. Sendo assim, agora, quem assume o comando é Dominic Symington, diretor da Symington Family Estates, casa portuguesa que representa algumas das marcas mais famosas de Vinho do Porto como Graham’s, Dow’s, Warre’s e Cockburn’s entre outras. Symington assume o lugar que esta sob supervisão de Julien de Beaumarchais, do Château Mouton Rothschild.

“Esta não é uma organização comercial. O grupo contém apenas empresas 100% familiares e trocamos informações sobre problemas de sucessão, formas de proteger nossos vinhos contra falsificação e outras tantas coisas”, apontou o novo diretor, que disse ainda que há uma possibilidade de que uma 12a família se junte ao grupo em breve. “É um processo de convite ainda, e apenas depois de total aprovação dos outros membros”, pontuou.

 

A Primum Familiae Vini já esteve no Brasil em 2010. Clique aqui para saber como foi o evento organizado por eles. 

 

Quer conhecer os melhores vinhos dos Symington? Clique aqui!

Da redação

Publicado em 4 de Dezembro de 2013 às 12:11


Notícias Primum Familiae Vini Symington