Produtores de Beaujolais se unem para garantir futuro dos vinhedos da região

Produtores formam a empresa BCD Développementi, criada para proteger os produtores da “preocupante perda de vinhas da região”


vinhedos de Beaujolais

Superfície de vinhas diminuiu 38% nos últimos 10 anos

Os três grandes produtores da região francesa de Beaujolais, Boisset Family Wines, Les Vins Georges Duboeuf e a Cooperativa Le Cellier de Saint Etienne formaram, neste ano, a BCD Développement, uma empresa conjunta de investimento. O intuito da criação da empresa é viabilizar a compra de vinhedos na região Beaujolais e em Beaujolais Village com a finalidade de se proteger da “preocupante perda de vinhas na região”.

De acordo com o presidente da recém-formada BCD Développement, Grégory Large, a área da superfície de vinhas de Beaujolais e de Beaujolais Village caiu 38% nos últimos 10 anos. “Esta é uma perda preocupante de vinhas para os produtores locais, que tem sido causada por uma combinação entre a expansão urbana da cidade de Lyon e uma década de dificuldade econômica”, completa.

O objetivo declarado da nova empresa de investimento consiste em garantir o futuro em longo prazo dos 240 produtores da cooperativa, que vai operar através da compra de vinhedos, com prioridade nos de posse de produtores que estão querendo se aposentar e não encontram potenciais compradores. “A idade média dos produtores de vinho da região é de 55 anos. Muitos deles buscam desistir dos vinhedos caso não consigam encontrar compradores”, afirma Large.

Os vinhedos adquiridos estarão sob contrato da Le Cellier de Saint Etienne, com acordos de preço mínimo e de quantidade das uvas garantidos pelos próximos cinco anos a partir da negociação dos acionistas da propriedade, Boisset e Duboeuf. Para a produtora de vinhos de Beaujolais, Anne -Victoire Monrozier, a formação da empresa apresenta benefícios para os pequenos produtores. “O mais importante é que a nova empresa faça vinhos bons a preço justo para ampliar a notoriedade da região”, afirma.

Da redação

Publicado em 28 de Janeiro de 2014 às 13:08


Notícias Beaujolais