Revista ADEGA
Busca

Proprietário do Château Angelus processa autora de livro sobre Saint-Émillion

Livro Vino Business contesta a imparcialidade da classificação dos vinhos de Saint-Émilion


A recente publicação do livro “Vino Business” da autora francesa Isabelle Saporta, motivou Hubert de Bouard, proprietário do Château Angelus, em Saint-Émilion, a processá-la por difamação. 

Proprietário do Château Angelus, em Saint-Émillion processa autora de livro por difamação

Château Angelus, um dos Premier Grand Cru Classé A de Saint-Émilion

A ação legal veio à tona nove dias depois da publicação do livro de Isabelle Saporta, o qual trata das questões contraditórias presentes no mundo do vinho francês sob o olhar crítico da autora. O conflito se deu quando a classificação de 2012 que tornou o Château Angelus um Premier Grand Cru Classé A foi colocada em xeque. Além da autora, Albin Michel, publisher do livro, também foi citado no processo.

Em um comunicado divulgado em nome de Bouard foi dito que o processo de difamação surgiu devido a uma informação falsa contida no livro. “O processo de avaliação da classificação dos vinhos de Saint-Émilion foi feito por agências independentes. Logo após a análise dos vinhos, os ministérios da agricultura e finanças aprovaram a publicação”, afirmou.

Porém, em defesa, Isabelle Saporta afirmou que durante o processo de pesquisa das informações para o livro avisou Hubert Bouard sobre o teor do livro. “Ele sabia que eu era uma jornalista investigativa e eu dei-lhe todo o direito de responder. Agora, eu e minha editora estamos aguardando o desfecho deste caso com serenidade”, completou.

Redação
Publicado em 02/04/2014, às 09h05 - Atualizado em 03/12/2014, às 08h04


Mais Notícias