Revista ADEGA
Busca

Vinho encomendado por Hitler é leiloado por cerca de R$ 5.700

Vinho teria pertencido a um ex-prisioneiro de guerra


Fuherwein

Magnum do Fuherwein

Uma garrafa magnum que parece ter sido pessoalmente encomendada pelo líder nazista, Adolf Hitler – segundo o historiador Dominic Hughes, da casa de leilões inglesa McTear – foi adquirida por £ 1.540, cerca de R$ 5.700.

Acredita-se que Hitler tenha ordenado a produção de um lote do vinho "Fuhrerwein" para marcar seu aniversário de 54 anos, em 20 de abril de 1943, em plena II Guerra Mundial. Não se sabe exatamente como a garrafa fez o seu caminho para fora do círculo íntimo de Hitler. “Recebemos a garrafa de um cavalheiro da Hungria. O vinho foi dado ao pai deste homem, um ex-prisioneiro de guerra, por um soldado alemão, quando a guerra terminou” contou Hughes. “Desde então, a garrafa estava na posse da família”, completou.

A garrafa de 1,5 litro, que estampa no rótulo a imagem do ditador nazista em uniforme completo, foi vendida a um comprador australiano. A casa de leilões não divulgou nenhuma informação sobre ele. Apesar do alto preço, a McTear esperava que a garrafa fosse comprada por uma soma maior que £ 2.000.

Tentativas anteriores de vender vinhos vinculados com nazitas já foram criticadas anteriormente. No ano passado, o Centro Simon Wiesenthal, cujas campanhas pelos direitos humanos dos judeus e caça aos criminosos de guerra nazistas restantes, convocou um boicote contra uma empresa italiana que disse estar produzindo uma variedade de vinhos com rótulos nazistas e fascistas.

Redação
Publicado em 02/05/2014, às 08h00 - Atualizado em 03/12/2014, às 08h04


Mais Notícias