Quem disse

“A penicilina cura os homens, mas é o vinho que os torna felizes.”


“A penicilina cura os homens, mas é o vinho que os torna felizes.”

Alexander Fleming, descobridor da penicilina e Nobel de medicina

Nascido no ano de 1881 em Lochfield, Escócia. Alexander Fleming foi biólogo, botânico, médico, microbiologista e farmacologista. Sua maior descoberta, a penicilina, revolucionou a medicina moderna e foi feita, incialmente, por sorte.

O laboratório de Fleming era conhecido pela desordem, e no retorno de suas férias, ele percebeu algumas placas de Petri, aqueles famosos recipientes transparentes que os cientistas utilizam no microscópio, largadas e que precisavam ser limpas. No entanto, uma lhe chamou a atenção, crescia nela um fungo e ao observar melhor percebeu alguns halos transparentes próximos ao mofo, indicando lise bacteriana, ou seja, a morte das bactérias.

LEIA MAIS

» Como o vinho se transformou em uma bebida fundamental?

» Ciência a favor do vinho

A genialidade e a capacidade de observação de Fleming entraram em cena e levaram ele à pesquisa e posterior descoberta da penicilina, um antibiótico feito exatamente do fungo Penicillium presente na placa de Petri.

Alexander Fleming era conhecido por proferir frases de sabedoria, simples e diretas, e nos presenteou com essa misturando sua maior descoberta e uma de suas paixões.

» Receba as notícias da ADEGA diretamente no Telegram clicando aqui  

 

André De Fraia

Publicado em 16 de Setembro de 2020 às 17:00


Quem disse... fleming penicilina vinho