Revista ADEGA
Busca

Vinho - 22.Out - Ecológicamente correta

Vinícola na Califórnia faz parceria para salvar oceanos


Quatro dólares de cada garrafa vendida serão doados para a iniciativa Ocean Reserve, que protege áreas marinhas e apóia a prática da pesca sustentável.
Em uma área de produção de vinhos em Sonoma County, uma vinícola vende vinhos para salvar oceanos.

Para os vinicultores da região de Green Valley, localizada na área vitivinícola do Russian River Valley, na Califórnia, o Oceano Pacífico tem um significado especial. É graças a ele, ou melhor, à névoa que ele traz, que a produção de vinhos local é considerada diferenciada da do resto do condado de Sonoma County. Por isso, não só os produtores, como também os próprios habitantes do vale têm um interesse particular em manter as águas da zona costeira limpas e livres de qualquer tipo de ameaça.

Assim, faz todo sentido que uma vinícola da região tenha feito uma parceira com a iniciativa para salvar os oceanos, realizada pela National Geographic Society, organização da revista e canal de TV por assinatura homônimos.

Há algum tempo, Joy e Lawrence Sterlence, os proprietários da Iron Horse Vineyards, se encontraram com o chef de cozinha Barton Seaver para criar um "cuvée" de sua safra 2005. O objetivo era desenvolver uma bebida que harmonizasse bem especialmente com frutos do mar, assim nasceu o espumante Iron Horse Ocean Reserve.

Quatro dólares de cada garrafa vendida serão doados para a iniciativa Ocean Reserve, que protege áreas marinhas e apóia a prática da pesca sustentável. Mais de um terço dos mil vinhos produzidos já foi vendido e outro terço já está reservado para a mailing-list da Iron Horse Vineyards.

Para o casal Sterlence, que já faz planos de uma nova safra da parceria, o projeto foi ainda mais significativo. Em 1985, Mikhail Gorbachev havia escolhido os vinhos da vinícola californiana para servir durante suas reuniões de cúpula. "Assim, como você pode imaginar, muitas pessoas nos associaram e culparam pela Guerra Fria", conta Joy. "Mas agora, nós iremos salvar o planeta" comemorou.

Para saber mais sobre o projeto da National Geographic e da Iron Horse, clique aqui. O conteúdo é em inglês, mas vale a pena conferir e, quem sabe, até comprar uma garrafa do novo vinho para harmonizar com um belo prato de frutos do mar!

OMelhorVinho.com.br: Fora da Borgonha, o local que mais chega perto da qualidade dos bons Pinot Noirs é o Russian River Valley, em Sonoma. Para quem gostaria de degustar algum vinho dessa região, ADEGA recomenda o Pinot Noir Paul Hobbs Russian River Valley 2006. Quer conhecer? Clique aqui!

ESPECIAL: Os Estados Unidos de Baco - Há 31 anos, um vinho desconhecido redesenhou o Atlas Enológico Mundial. Deguste os primórdios da bebida na Califórnia

Confira as últimas notícias do mundo dos vinhos...

+ Importadores de vinho da Rússia se unem para defender interesses em comum

+ Exportadora constrói "adega cofre-forte" na França

+ Taylor''''s lança vinho do porto de 155 anos

+ UE permite que 11 países adicionem mais açúcar a seus vinhos

+ Consumidor ainda reluta em aceitar embalagens alternativas de vinho

Redação
Publicado em 22/10/2010, às 08h00 - Atualizado em 27/07/2013, às 13h47


Mais Notícias