Revista ADEGA
Busca

Montepulciano, uva ou região?

Montepulciano, a uva que tem nome de uma região, mas é de outra!

Conheça a história e dicas de vinhos da Montepulciano


Imagem da DOCG Offida Rosso mostra a potência da Montepulciano na sua cor
Imagem da DOCG Offida Rosso mostra a potência da Montepulciano na sua cor

A confusão é relativamente constante, pois há rótulos com o nome “Vino Nobile di Montepulciano”, que não são feitos com a uva Montepulciano. Pois é, a variedade, apesar do nome, não é características desse local da Toscana, mas de outra parte da Itália.

Embora o nome da variedade se refira à região de Montepulciano, na província de Siena, na Toscana, sua origem mais provável é em Abruzzo, mais ao centro da do país, possivelmente na área de Torre de’ Passeri.

Como a Sangiovese é cultivada na área de Montepulciano, na Toscana, a variedade Montepulciano às vezes é considerada sinônimo de Sangiovese, mas isso não se confirma por observações ampelográficas e perfis de DNA. Ou seja, Montepulciano não é uma espécie de Sangiovese e não faz parte dos rótulos “Vino Nobile di Montepulciano”.

Mas não apenas de Montepulciano ela é conhecida, Africano, Angolano, Montepulciano Cordisco, Montepulciano Spargolo, Morellone (Toscana), Sangiovese Cordisco e Uva Abruzzese são alguns dos nomes dela.

Os vinhos feitos com Montepulciano (uma uva muito estruturada) têm cores profundas com taninos maduros e robustos. É uma casta bastante usada em blends com uvas menos potentes como pode ser visto nessas dicas abaixo:

Antico Rosone Montepulciano 2019

Antico Rosone Montepulciano 2019 - AD 90 pontos - Caviro, Abruzzo, Itália

Este blend de 85% Montepulciano e 15% outras variedades tintas, sem passagem por madeira, mas mantido em tanques de aço inox entre 3 e 6 meses antes do engarrafamento vem do ebrço da Montepulciano e mostra bem as garras afiadas dos taninos e potência da casta.

Borgotorre Montepulciano d'Abruzzo 2019

Borgotorre Montepulciano d'Abruzzo 2019 - AD 90 pontos - Castellani, Abruzzo, Itália

Produzido pela centenária família Castellani, esse 100% Montepulciano, sem passagem por madeira, é gastronômico e gostoso de beber, vai muito bem à mesa com combinações leves e versáteis.

YUME MONTEPULCIANO D'ABRUZZO 2016

Yume Montepulciano D'Abruzzo 2016 - AD 91 pontos - Caldora, Abruzzo, Itália

Elaborado a partir de uvas Montepulciano, com estágio de seis meses em barricas (60% francesas e 40% americanas). Esté é um vinho no estilo bem maduro, estruturado e opulento, tem acidez refrescante, taninos numerosos e macios e final longo, com toques de ameixas escuras e de chocolate. 

Arnaldo Grizzo
Publicado em 02/07/2022, às 08h00


Mais Escola do vinho