Revista ADEGA
Busca

Vinho - 09.Nov - Taça certa

Segundo especialista, taça errada pode inibir as características do vinho


O industrial austríaco e produtor de taças para vinho Georg Riedel afirma que cada copo possui características que enfatizam algumas características do vinho, e defende que "um verdadeiro apreciador de vinho deve gastar num copo a mesma média que gasta ao comprar um vinho".

O vinho deve ser consumido na taça certa para seu tipo
Descendente de família produtora de copos de cristal para vinho há dez gerações, Riedel conta que os copos são feitos para enfatizar a harmonia do vinho. "Concebemos nossos copos ao longo dos últimos séculos até chegar ao ideal para cada vinho".

"Um mesmo vinho fica completamente diferente quando servido em distintos copos. A diferença é tão grande que até os maiores conhecedores eram levados a acreditar que estavam provando vinhos diferentes". Riedel também afirma que hoje a ciência já avançou o suficiente para provar que uma taça que ressalta a harmonia de um determinado vinho pode desequilibrar completamente outros.

"O tamanho de um copo é importante e influencia na qualidade e intensidade dos aromas", explica. "Vinhos tintos pedem copos maiores, enquanto os brancos são melhores em copos médios e espumantes em taças menores, para enfatizar a fruta, e não o álcool".


O fundamental é que a taça escolhida seja capaz de transmitir de maneira harmoniosa os quatro elementos principais do vinho: a acidez, a fruta, os elementos minerais e os elementos amargos.

Confira as últimas notícias sobre o mundo dos vinhos...

+ Espanha promove encontro com 150 vinícolas do mundo todo

+ O Melhor Vinho do dia: À solidariedade e à presença de Madonna no Brasil!

+ Foi comemorado no último domingo o Dia Europeu do Enoturismo

+ Ville du Vin promove jantar harmonizado com renomado enólogo chileno

+Macacos siberianos recebem vinho tinto como forma de prevenção de gripe

Redação
Publicado em 09/11/2009, às 12h53 - Atualizado em 27/07/2013, às 13h46


Mais Notícias