Apenas 5% dos norte-americanos compram vinhos acima de US$ 20

Estudo mostrou que a linha divisória entre consumidores de vinho de alta gama e os demais é a faixa de US$ 20


supermercado

Consumidor norte-americano tende a não gastar muito com vinho

Um estudo do Conselho do Comércio de Vinho dos Estados Unidos analisou os hábitos dos consumidores norte-americanos e verificou que existe uma diferença entre os compradores de vinho dispostos a gastar mais de US$ 20 em uma garrafa e aqueles que não. “US$ 20 é a linha de demarcação verdadeira que identifica os consumidores de vinho de qualidade, afinal, as pessoas que pagam US$ 20 são as mesmas que gastam US$ 30, US$ 50, até mesmo mais de US$ 100 em um vinho específico”, afirma o presidente do Conselho do Comércio de Vinho, John Gillespie.

De acordo com o Conselho, apenas 5% da população dos Estados Unidos compra vinho de mais de US$ 20, fator surpreendente visto que o país é o maior mercado de vinho do mundo. Dentre todos os cidadãos norte-americanos, cerca de 35% dos adultos não bebem, outros 21% bebem cerveja ou outras bebidas alcoólicas, e apenas 15% bebe vinho mais de uma vez por semana.

Para Gillespie, os consumidores de vinho de alta gama também podem ser vistos como uma espécie de termômetro para identificar o padrão e a qualidade das bebidas no mercado. “Nós sabemos que os compradores de vinho de alta qualidade são muito mais sofisticados. Eles são uma espécie de intermediadores entre o nível de sofisticação do comércio e o nível de sofisticação dos consumidores médios”, complementou.

O estudo aponta que, para os 5% que consomem vinhos de mais de US$ 20, as resenhas de vinhos são crucias na hora da compras, com 70% deles dizendo que elas são importantes na hora de tomar decisões.

Da redação

Publicado em 24 de Fevereiro de 2014 às 08:01


Notícias US$ 20 consumo Estados Unidos blogs resenhas