Mundovino

Frescobaldi adquire vinícola em Montepulciano. Total na Toscana chega agora a nove propriedades

Além dos 60 hectares de vinhedos a negociação envolve ainda as safras 2019 e 2020 que estão amadurecendo


 

Corte alla Flora, nova aquisição da Frescobaldi

A vinícola Corte alla Flora, nova aquisição da Frescobaldi

A gigante italiana Marchesi di Frescobaldi adquiriu a Corte alla Flora, vinícola em Montepulciano na Toscana. Com a negociação, que não teve seus valores divulgados, os Frescobaldi agora possuem nove propriedades na tradicional região italiana.

» Ilhas Canárias, tem vinho e vai muito além do vulcão e do tsunami

O negócio surpreendeu pela velocidade, foram menos de duas semanas de negociação. “Acontece que este senhor queria vender, então decidimos comprá-lo”, disse Lamberto Frescobaldi, presidente da empresa à Wine Spectator sobre Sergio Cragnotti, empresário que já foi dono da Lazio, um dos maiores times de futebol da Itália. “Isso veio até nós e nós agarramos”.

Localizada na zona Cervognano di Montepulciano, considerada uma das melhores da região, a propriedade, que faz cerca de 23.000 caixas por ano, é composta por 148 hectares, dos quais 60 hectares são plantados com Sangiovese, Merlot, Cabernet Sauvignon, a rara Pugnitello e Petit Verdot. 

Lamberto Frescobaldi é a trigésima geração a comandar a vinícola Frescobaldi

A compra inclui ainda as safras de 2019 e 2020 que estão amadurecendo em barricas e garrafas. “Os vinhos da adega são muito bons. Faremos algumas seleções, mas estamos muito felizes. ” 

A empresa familiar, que está na sua trigésima geração em mais de 700 anos, é proprietária na Toscana de ícones como CastelGiocondo em Montalcino, Castello Nipozzano que produz o Chianti Rufina e os supertoscanos Ornellaia e Luce.

Para encontrar os vinhos da Frescobaldi, clique aqui.

Receba as notícias da ADEGA diretamente no Telegram clicando aqui  

André De Fraia

Publicado em 20 de Setembro de 2021 às 14:00


Mundovino Frescobaldi Corte alla Flora Aquisição Toscana Montepulciano Enobusiness