Revista ADEGA
Busca

Hotel de luxo no vinhedo

Hotel de luxo se erguerá em meio ao histórico vinhedo de Seppeltsfield na Austrália

O hotel modernista de US$ 50 milhões, 12 andares e 71 quartos no coração do histórico vinhedo de Seppeltsfield, no sul da Austrália, terá sua construção iniciada esse ano


Projeto do futuro hotel de luxo Oscar Seppeltsfield
Projeto do futuro hotel de luxo Oscar Seppeltsfield

O Conselho Regional de Light no sul da Austrália concedeu a aprovação para o hotel de luxo Oscar Seppeltsfield. A construção modernista de US$ 50 milhões, 12 andares e 71 quartos no coração do histórico vinhedo de Seppeltsfield, no sul da Austrália, terá sua construção iniciada esse ano.

O pedido original para construir o Oscar Seppeltsfield foi apresentado em 16 de abril de 2020, mas a consulta pública com os vizinhos em julho de 2020 levou a uma contestação legal contra o plano. 

O Tribunal de Meio Ambiente, Recursos e Desenvolvimento da Austrália do Sul rejeitou um recurso contra o projeto no ano passado, mas um grupo de Barossa entrou com uma ação judicial para que o projeto - que havia sido categorizado como “alojamento turístico” - fosse classificado em uma categoria diferente para permitir maior consulta à comunidade.

Após uma nova consulta, o projeto foi revisado e sua localização movida 10 metros abaixo em um barranco dentro do vinhedo de Seppeltsfield, para ser menos intrusivo na paisagem. Isso significa que as pessoas na vila vizinha de Greenock não verão o hotel - embora possa ser visto ao longo de partes da área de Seppeltsfield Road, ladeada de palmeiras, que passa pela entrada principal da Seppeltsfield Winery.

O local do hotel cobrirá quatro hectares de Seppeltsfield, com algumas vinhas de Grenache sendo removidas e replantadas para substituir as vinhas velhas mortas no vinhedo existente, mas um pedaço de Palamino Fino será arrancado e Seppeltsfield cessará sua produção de vinhos fortificados.

O projeto está sendo financiado por um grupo de empresários do sul da Austrália, que preveem que Oscar Seppeltsfield atrairá novos visitantes para a região e trará um adicional de US$ 90 milhões em gastos com turismo nos primeiros cinco anos de operação.

Todos os 71 quartos, suítes e coberturas do hotel terão varandas privativas, enquanto um deck de observação no nível superior fornecerá vistas de 360 ​​graus dos vinhedos ao redor. O hotel também incluirá um spa, uma piscina infinita, um restaurante de classe mundial, sala de jantar e sala de reuniões privativas e um heliporto.

André De Fraia
Publicado em 09/06/2022, às 13h00


Mais Mundovino