MundoVino

Nova parceria em Borgonha

Donos do Château Montrose se associaram com família tradicional da Borgonha


Os irmãos Martin e Olivier Bouygues, donos do Château Montrose, em Bordeaux, firmaram uma parceria com a família de Surrel, coproprietários do Domaine Henri Rebourseau, em GevreyChambertin, Borgonha. Acredita-se que os Bouygues investiram € 45 milhões em troca de uma participação de 51% no domaine.

Henri Rebourseau é dono de algumas das parcelas mais antigas de Côtes de Nuits, com 13,5 hectares, quase metade de Grands Crus; meio hectare em Chambertin, parcelas em Clos de Bèze, Charmes Chambertin, Mazy Chambertin e dois hectares em Clos Vougeot.

A aquisição foi feita por meio da SCDM, a holding familiar de Martin e Olivier Bouygues. “Estamos em uma abordagem de parceria equilibrada. Este é um domaine em bom estado que tem um enorme potencial”, afirmou Hervé Berland, diretor administrativo da SCDM e CEO de Montrose.

O Domaine Henri Rebourseau, administrado por Jean de Surrel, é cultivado usando uma abordagem orgânica e biodinâmica. Jean de Surrel permanecerá como consultor e seus dois filhos, Louis e Bénigne de Surrel, continuarão a participar do desenvolvimento da propriedade.

Além do Château Montrose, os Bouygues também possuem o Château Tronquoy-Lalande em St-Estèphe, o Clos Rougeard em SaumurChampigny e a Distillerie de la Métairie em Cognac.

Da redação

Publicado em 6 de Dezembro de 2018 às 17:00


Notícias Negócios do vinho Château Montrose Borgonha Domaine Henri Rebourseau

Artigo publicado nesta revista

CHÂTEAU MARGAUX

Revista ADEGA 157 · Novembro/2018 · CHÂTEAU MARGAUX

VERTICAL DE 11 GRANDES SAFRAS + A ELEGÂNCIA E A LONGEVIDADE EXPLICADAS POR AURÉLIEN VALANCE