Bodega Garzón

O melhor da vinícola Bodega Garzón

A Bodega Garzón conta com mais de 200 hectares de vinhedos no Uruguai


Fundado em 2008, esse mega projeto uruguaio é fruto do sonho e da paixão do magnata argentino Alejandro Bulgheroni. São 220 hectares de vinhedos plantados em Maldonado, na zona de Garzón, a 18 quilômetros da costa atlântica. No total, são cultivadas 12 variedades, sendo sete tintas e cinco brancas, com a Tannat e a Albariño sendo as mais importantes até agora, respectivamente com 67 e 35 hectares. Além dos lindos vinhedos, da imponente vinícola e logicamente dos vinhos que vêm melhorando ano após ano, outro destaque é o restaurante, que conta, desde o início, com a expertise do famoso chef argentino Francis Mallmann.

AD 93 pontos

GARZÓN SINGLE VINEYARD ALBARIÑO 2017

Bodega Garzón, Maldonado, Uruguai. Elaborado exclusivamente a partir de uvas Albariño fermentadas em tanques de cimento, com estágio de 20% do vinho entre três e seis meses em foudres de carvalho francês. Sempre consistente, está entre os melhores brancos dessa cepa produzidos em solo uruguaio. Repleto de tensão e de vivacidade, alia volume de boca e cremosidade, com refrescante acidez e ótima textura, terminando com toques salinos e de frutos cítricos. Álcool 14,5%. EM

AD 93 pontos

GARZÓN SINGLE VINEYARD MERLOT

2016 Bodega Garzón, Maldonado, Uruguai. Tinto elaborado exclusivamente a partir de Merlot, fermentado em tanques de cimento de 8 mil litros, com posterior estágio entre 12 e 18 meses em barricas e foudres de carvalho francês. Impressiona pela tipicidade, mostrando ameixas e amoras acompanhadas de notas florais, minerais e de especiarias doces. Redondo, suculento e equilibrado, tem taninos sedosos e de ótima textura, refrescante acidez e final longo e profundo, com toques salinos e de cinzas. Álcool 14,5%. EM

Leia também:

Degustação de vinhos do Altos Las Hormigas

Alberto Antonini fala sobre a produção de vinhos

+ Garzón: a vinícola do bilionário Alejandro Bulgheroni

 

AD 91 pontos

GARZÓN SINGLE VINEYARD TANNAT 2015

Bodega Garzón, Maldonado, Uruguai. Tinto elaborado exclusivamente a partir de Tannat, fermentado em tanques de cimento de 8 mil litros, com posterior estágio entre 12 e 18 meses em barricas e foudres de carvalho francês. Potente e encorpado, mostra frutas negras de perfil mais maduro envoltas por notas florais, terrosas, defumadas e de especiarias doces, tudo bem balanceado por vibrante acidez e taninos tensos e de ótima textura. Álcool 14,5%. EM

AD 92 pontos

GARZÓN SINGLE VINEYARD PETIT VERDOT 2015

Bodega Garzón, Maldonado, Uruguai. Tinto elaborado exclusivamente a partir de Petit Verdot, fermentado em tanques de cimento de 8 mil litros com cerca de 20% de cachos inteiros. Depois, estagia entre 12 e 18 meses em barricas e foudres de carvalho francês. Exuberante nos aromas e suculento nos sabores, mostra frutas negras de perfil mais maduro acompanhadas de notas florais e de especiarias doces. Tem taninos de ótima textura e refrescante acidez, que trazem equilíbrio ao conjunto. Uma versão amável e domada de Petit Verdot, muito bem-sucedida para um ano mais quente e seco como 2015. Álcool 14,5%. EM

AD 94 pontos

GARZÓN PETIT CLOS BLOCK 127 CABERNET FRANC 2016

Bodega Garzón, Maldonado, Uruguai. Tinto elaborado a partir de uvas Cabernet Franc, advindas unicamente da parcela 127, fermentado em tanques de cimento de 8 mil litros, com posterior estágio de 12 meses em barricas e foudres de carvalho francês. Não tem medo de mostrar as deliciosas notas de pimentões assados, de tabaco e de ervas, tão típicas da Franc, escoltando os aromas de cassis e amoras. Muito equilibrado, tem taninos de excelente textura, refrescante acidez e final complexo, persistente e carnudo, com toques minerais, de cedro, de especiarias e de cinzas frias. Álcool 14,5%. EM

AD 93 pontos

GARZÓN BALASTO 2015

Bodega Garzón, Maldonado, Uruguai. Primeira safra deste tinto, é composta de Tannat (45%), Cabernet Franc (25%), Petit Verdot (20%) e Marselan (10%), com fermentação em tanques de cimento sem epóxi e posterior estágio de 20 meses em tonéis (25 e 50 hectolitros) de carvalho sem tosta. Apesar de muito jovem, mostra todo o cuidado de sua elaboração refletido em sua complexidade aromática e nos taninos de excelente textura, que trazem sustentação a toda fruta negra de perfil mais maduro, que reflete o clima mais quente e seco da safra 2015. Tem final cheio e profundo, com toques licorosos, especiados e de grafite. Álcool 14,5%. EM

AD 95 pontos

GARZÓN BALASTO 2016

Bodega Garzón, Maldonado, Uruguai. Tinto composto de 45%Tannat, 25% Cabernet Franc, 18% Petit Verdot e 12% Marselan, com fermentação em tanques de cimento sem epóxi e posterior estágio de 20 meses em tonéis (25 e 50 hectolitros) de carvalho sem tosta. Refinado nos aromas, mostra notas florais e de especiarias doces escoltando as ameixas, amoras e cassis, que se confirmam no palato. Ainda muito jovem, impressiona pela excelente textura de taninos, pela vibrante acidez e pelo equilíbrio do conjunto. Firme, tenso e compacto, tem final profundo e persistente, com toques salinos, de alcaçuz e de grafite. Álcool 14,5%. EM

Da redação

Publicado em 1 de Julho de 2019 às 11:00


Notícias Bodega Garzon vinho uruguaio Uruguai Alberto Antonini

Artigo publicado nesta revista