Terremoto no Chile

Enólogos chilenos relatam danos mínimos nas adegas e estoques



Fonte imagem: Folha de S. Paulo

O terremoto de 8,3 graus na escala Richter, que atingiu o país no último dia 16, às 20h, teve seu epicentro em Coquimbo, região onde se encontram os vales Elqui, Limari e Choapa, que ficam próximos a cidade de La Serena – local que levou um milhão de pessoas a evacuarem de suas casas.

As vinícolas próximas ao epicentro tiveram danos mínimos como: garrafas quebradas, pernas de tanques danificadas e pequenas rachaduras nas instalações. Não há relatos de pessoas gravemente feridas na região vinícola. Apesar disso, órgãos responsáveis dão atenção maior para aqueles que trabalham no ramo da viticultura e podem ter sido afetados.

A possibilidade de tsunamis foi excluída, porém, autoridades do Havaí, Nova Zelândia e Califórnia estão em estado de alerta com as ondas que podem “viajar” através do oceano Pacífico.

 

Da redação

Publicado em 23 de Setembro de 2015 às 09:00


Notícias