Vinho - 14.Jul - Seguindo o novo

Alsácia planeja mudança no rótulo de seus vinhos


A concorrência com o "Novo Mundo" tem feito com que muitos produtores franceses repensassem a forma de vender seus vinhos.

Tradicionalmente, a indústria vitivinícola da França dá maior importância à região aonde a bebida foi produzida. No entanto, pesquisas recentesmostraram que esta é uma das últimas características decisivas para que o consumidor compre um vinho ou não.

Por isso, muitos produtores franceses estão mudando sua abordagem, como é o caso da Alsácia, região ao leste da França. O recém-eleito presidente da Conselho Interprofissional de Vinhos da Alsácia (CIVA), Rémy Gresser se comprometeu a tornar os rótulos dos vinhos da região francesa mais fáceis de entender.

O novo presidente revelou que pretende mudar os rótulos, de maneira a especificar melhor o estilo do vinho, seu nível de doçura e sugestões de harmonização. Segundo Gresser, o intuito da mudança é desmistificar o vinho para os consumidores: "a riqueza da Alsácia está na sua diversidade: temos um grande conjunto de estilos de vinhos, castas e terroirs. Cabe a nós ter uma abordagem mais comercial".  

O presidente ainda acrescentou que "a marca da Alsácia deve aparecer em cada garrafa como um logotipo ou marca de qualidade que oferece aos consumidores uma garantia de autenticidade".

ESPECIAL:O vinho e sua história - Do Império Romano, pela Idade Média, até os nossos dias, o vinho acompanhou os principais momentos da história da humanidade e se transformou

Confira as últimas notícias do mundo dos vinhos...

+ Teste cego do Ibravin comprova qualidade dos vinhos brasileiros

+ Vinho mais antigo de Portugal, Periquita completa 160 anos

+ Dados mostram aumento nas vendas de rosés

+ Associação devinhos alemães comemora 100 anos

+ Franceses abrem as portas de suas vinícolas para visitantes

Da redação

Publicado em 14 de Julho de 2010 às 06:29


Notícias