Revista ADEGA
Busca

Missão canadense

A arquitetura atemporal e monástica da Mission Hill Family Estates

Um ambiente quase monástico para contemplar o Vale Okanagan


A Mission Hill Family Estate às margens do lago Okanagan
A Mission Hill Family Estate às margens do lago Okanagan

Pouco se fala da vitivinicultura do Canadá, especialmente na longínqua região de British Columbia, ou Colúmbia Britânica, no extremo oeste do país.

Naquelas paisagens deslumbrantes, contudo, alguns produtores se aventuraram e tiveram sucesso. A Mission Hill Family Estate, que se instalou às margens do lago Okanagan, é uma das vinícolas que prosperaram. Mais que isso, criou um ambiente único com sua arquitetura inusitada.

A arquitetura da Mission Hill Family Estates e a atemporalidade do vinho
O projeto do arquiteto Tom Kundig foi concluído no ano 2000

“Meu objetivo era fornecer uma sensação de lugar. Um lugar em que você pode sair do mundo cotidiano e entrar em um santuário que tem tudo a ver com a atemporalidade do vinho”, afirmou Anthony von Mandl, que comprou a vinícola em 1981 e a transformou no que é hoje. 

O projeto do arquiteto Tom Kundig foi concluído no ano 2000 e a Mission Hill Family Estates foi assim concebida para resistir ao teste do tempo. Com influência monástica, é uma fuga da vida cotidiana que conta com um complexo enorme de edifícios em tons de terra que circundam um pátio e um anfiteatro.

A arquitetura da Mission Hill Family Estates e a atemporalidade do vinho
As salas de barricas são incrustadas em rocha vulcânica

De uma loggia ao ar livre, do anfiteatro e de um terraço com vinhedos tem-se vistas deslumbrantes do lago e do vale abaixo. Há ainda um campanário, um dos principais símbolos da sua arquitetura, que chama a atenção e remete a um ambiente quase religioso. 

Os visitantes entram na vinícola através de arcos de pedra contemporâneos esculpidos à mão pelos mestres Tony Rojac e Andrew Swinley. Esculpido em um bloco de cinco toneladas de calcário de Indiana, o arco é mantido unido por uma única pedra angular com o brasão da família von Mandl.

Logo em seguida há um pátio espaçoso, localizado diretamente atrás do arco de entrada, que circunda a torre do campanário de 12 andares, com quase 26 metros de altura. A torre é encimada por um cata-vento cuja inspiração é um pelicano e isso ecoa com o brasão da família. Os sinos tocam a cada meia hora. São quatro sinos de bronze, cada um dedicado a um membro da família von Mandl. Eles foram feitos à mão em Annecy, França, pela Fundição Paccard Bell, a mesma que criou os sinos da Catedral de Saint Patrick em Nova York e da Sacré Coeur em Paris. 

A arquitetura da Mission Hill Family Estates e a atemporalidade do vinho
A vinícola oferece uma visão privilegiada do vale e do lago

O anfiteatro está situado em uma colina proeminente que se eleva acima do vale Okanagan. Com capacidade para cerca de 1.200 pessoas, a experiência de concerto ao ar livre é uma reminiscência das grandes apresentações encenadas na Arena di Verona, um dos históricos anfiteatros romanos da Europa. A loggia (latim para sala ao ar livre) também funciona como um refúgio para os visitantes.

Ao misturar-se com a paisagem, ela oferece uma visão privilegiada do vale e do lago. Uma pequena piazetta tem vista para os jardins da loggia, lar de um antigo carvalho húngaro. 

No subsolo, as salas de barricas são incrustadas em rocha vulcânica. Com capacidade para 800 barricas, o ambiente tem um oculus (latim para olho), que é a única fonte de luz natural. Esta janela acima do solo serve de inspiração para o nome do vinho premium da vinícola.

A arquitetura da Mission Hill Family Estates e a atemporalidade do vinho
O anfiteatro tem capacidade para cerca de 1.200 pessoas

Além das áreas de visitantes em geral, existem áreas VIP que incluem salas especiais de recepção e salas de degustação. Definitivamente, o design, conscientemente sereno, evita a arquitetura festiva em favor de algo atemporal e monástico. 

» Receba as notícias da ADEGA diretamente no Telegram clicando aqui

Arnaldo Grizzo
Publicado em 24/03/2022, às 16h00


Mais Vinícolas do mundo