Mundovino

PF encontra Petrus e Romanée-Conti furtados do Itamaraty

Garrafas foram furtadas da adega do Ministério das Relações Exteriores e foram achadas em SP


Polícia Federal divulgou imagem dos vinhos recuperados

Na última sexta-feira dia 24/09, a Policia Federal conseguiu reaver em São Paulo, duas garrafas de vinho valiosas, que tinham sido furtadas do Ministério de Relações Exteriores.

» Julgamento pode levar dois produtores de Bordeaux para a cadeia por manipular o sistema de classificação

Trata-se de um Petrus Pomerol Grand Cru 1980 avaliado em R$25.7650, e um Romanée-Conti La Tâche Grand Cru Monopole 1995 avaliado em R$31.868, ambos foram doados ao Ministério.

O furto foi constatado no mês de agosto, depois de uma checagem na adega do MRE e logo após investigarem o caso, a Policia Federal chegou ao ladrão, que não teve o nome divulgado.

A Policia Federal informou ainda, que o mesmo vendeu os vinhos e deu o endereço do receptor, que também teve o nome não revelado.

Receba as notícias da ADEGA diretamente no Telegram clicando aqui  

Glaucia Balbachan

Publicado em 27 de Setembro de 2021 às 10:00


Mundovino Polícia Federal Petrus Romanée-Conti La Tâche Roubo Furto Itamaraty