Poggiotondo

Bons rótulos de Poggiotondo

Localizada em Chianti, a vinícola é o projeto familiar de Alberto Antonini


Esse é o projeto familiar do consultor e enólogo Alberto Antonini e sua esposa Alessandra. A vinícola foi herdada do pai de Alberto, Carlo Antonini, um professor apaixonado por agricultura, que adquiriu a propriedade localizada no coração da zona de Chianti em 1968. Atualmente, conta com 28 hectares de vinhedos orgânicos, certificados em 2014, plantados em solos com alta incidência de calcário (grande quantidade de depósitos marinhos). Destaque para os seus dois Chianti single vineyard, “Vigna delle Conchiglie” e o “Vigna dal 1928”.

AD 91 pontos

POGGIOTONDO VERMENTINO ANSONICA 2016

Poggiotondo, Toscana, Itália (World Wine R$ 109). Branco composto de 60% Vermentino e 40% Ansonica, fermentado com leveduras indígenas e sem passagem por madeira. Chama atenção pela ótima textura e pela refrescante acidez. Mostra notas florais, de ervas e de frutas de caroço, que se confirmam no palato. Tem final mineral e de boa persistência, com toques de frutos secos. Álcool 12,5%. EM

Leia também:

O melhor da vinícola Bodega Garzón

Alberto Antonini fala sobre a produção de vinhos

+ Garzón: a vinícola do bilionário Alejandro Bulgheroni

AD 90 pontos

POGGIOTONDO SANGIOVESE CANAIOLO ORGANIC 2015

Poggiotondo, Toscana, Itália (World Wine R$ 91). Tinto composto de 80% Sangiovese e 20% Canaiolo, sem passagem por madeira, mas com fermentação e estágio em tanques de cimento sem epóxi. Mostra frutas vermelhas mais frescas como groselhas e cerejas, seguidas de notas terrosas, florais e de especiarias doces, que se confirmam na boca. Gostoso de beber e fácil de agradar, tem taninos de ótima textura, vibrante acidez e final médio/longo, pedindo uma segunda taça. Álcool 13,5%. EM

AD 91 pontos

POGGIOTONDO CHIANTI ORGANIC 2015

Poggiotondo, Toscana, Itália (World Wine R$ 130). Tinto composto de 85% Sangiovese, 10% Canaiolo e 5% Colorino, com estágio de 50% do vinho durante oito meses em barris de carvalho. Mostra aromas de cerejas acompanhadas de notas florais, terrosas, de couro e de especiarias doces, tudo num contexto de bom corpo, ótima textura, refrescante acidez e final persistente e gastronômico, com toques minerais e de frutas vermelhas. Álcool 13%. EM

AD 95 pontos

POGGIOTONDO CHIANTI RISERVA VIGNA DELLE CONCHIGLIE 2008

Poggiotondo, Toscana, Itália (World Wine R$ 517). Tinto elaborado exclusivamente a partir de uvas Sangiovese advindas da Vigna delle Conchiglie (tem esse nome pela grande concentração de fósseis marinhos no solo), com estágio de 20 meses em barris de carvalho de 500 litros, sendo 20% novos. Cheio de tipicidade, apresenta sedutores aromas de cerejas e framboesas acompanhados de notas florais, terrosas, defumadas, de especiarias doces e de ervas secas. Impressiona pelo equilíbrio e precisão do conjunto, sempre sustentado por taninos de excelente textura, refrescante acidez e final persistente e profundo, com toques de giz e de frutas vermelhas ao licor. Álcool 14%. EM

Da redação

Publicado em 3 de Julho de 2019 às 20:30


Notícias Alberto Antonini Vigna dal 1928 Vigna delle Conchiglie Chianti Poggiotondo

Artigo publicado nesta revista