Revista ADEGA
Busca

Extrato produzido de semente das uvas pode reduzir sintomas da quimioterapia

Cientistas descobrem que polifenol encontrado na semente das uvas pode ajudar até mesmo no tratamento contra o câncer


Cientistas australianos da University of Adelaide descobriram, em uma pesquisa recente, que um extrato retirado da semente de uvas pode reduzir os sintomas de um efeito colateral causado durante o processo de quimioterapia conhecido como Mucositis. 

Polifenol extraído da semente das uvas pode ajudar a reduzir sintoma causado pelo processo de quimioterapia

Sementes das uvas podem ajudar no combate ao câncer

Mucositis é uma consequência do tratamento contra o câncer, que causa inflamação e ulceração do canal gastrointestinal. Isso faz com que os médicos sejam obrigados a reduzir o processo de quimioterapia para poder controlar o estado de saúde dos pacientes.

Porém, em um estudo feito por cientistas da University of Adelaide, e mais tarde publicado na revista científica PLOS One, descobriu-se que um extrato polifenólico retirado da semente das uvas, com procianidinas, pode reduzir os sintomas da Mucositis bem como combater o próprio câncer.

Para o estudo, os cientistas dividiram 64 ratas em oito grupos.Neles, induziu-se à mucositis e também administrou-se doses variadas de procianidinas. O resultado observado foi que aqueles que receberam o extrato, a melhoria dos sintomas da mucositis foi mais rápida e eficaz, ao passo que os que não o receberam, não tiveram melhoria significativa.

Além disso, o extrato atinge também as células cancerígenas. “Ao contrário da quimioterapia, as procianidinas podem agir de forma mais eficaz sobre as células cancerígenas e fortalecer as que permanecem saudáveis”, declarou a autora do estudo, Amy Cheah. “As sementes tem efeitos mais positivos do que a quimioterapia”, acrescentou.

Mais investigações serão realizadas para identificar se há um limite de dosagem do extrato para não interferir em seus resultados.

Redação
Publicado em 01/04/2014, às 09h05 - Atualizado em 03/12/2014, às 08h04


Mais Notícias