Revista ADEGA
Busca

Uva “mãe” é salva à beira da extinção em comunidade na Suíça

Um tipo raro de uva chamado de “Casanova” está mais longe de ser extinto graças ao empenho de voluntários suíços e pesquisadores


Uva "Casanova"

Fonte: Decanter.com

A uva, chamada de “Casanova” ou “Gouias Blanc”, foi salva da extinção graças a um grupo de pesquisadores e alguns voluntários suíços. Um estudo realizado há 15 anos apontou que essa espécie foi responsável por gerar muitas das variedades que conhecemos hoje, como a Chardonnay e a Gamay. Sob a liderança do Dr. Jose Vouillamoz, um renomado geneticista, uma comunidade de vinhedos que continha esse tipo de uva se mobilizou para salvá-las da extinção, em um vilarejo na Suíça, na região de Haut-Valais.

Os moradores do vilarejo suíço resolveram se juntar para salvar os vinhedos da região. “Nós decidimos criar uma associação para salvar essas vinhas e levantar fundos para comprar o vinhedo. Levou apenas algumas semanas para juntarmos 33 pessoas que aceitassem contribuir com a compra do local”, declarou Vouillamoz.

O pesquisador ainda completou: “Aqui é o único lugar do mundo onde a Gouias Blanc é cultivada desde a Idade Média”. Segundo especialistas, a uva é capaz de produzir vinhos com um leve toque ácido. Além disso, a Suíça é um dos únicos lugares no mundo que ainda abriga a variedade.

Redação
Publicado em 26/11/2014, às 16h43 - Atualizado em 03/12/2014, às 08h04


Mais Notícias