Revista ADEGA

Mendoza

Vinhos para provar em Mendoza

A região de Mendoza é responsável por grandes rótulos do vinho argentino

Da redação em 7 de Julho de 2019 às 16:30

A região de Mendoza na Argentina é marcada por uma variedade de atrações no enoturismo. A cidade conta com mais de 1200 vinícolas, sendo que cerca 200 são à visitação. A ADEGA então, preparou uma seleção com ótimos rótulos do local para celebrar o melhor do vinho de Mendoza. Confira!

AD 92 Pontos

ALFA CRUX 2004

O. Fournier, Mendoza, Argentina. Fruta negra madura e compotada, com toques herbáceos e amadeirados predominam neste rico e corpulento tinto. Corte bem elaborado, com predominância de Tempranillo e longa persistência no final de boca. Um alto e suculento corte de carne assada se faz necessário para acompanhá-lo e ambos saem ganhando nesta parceria. VS

Leia também:

Os vinhos de Mendoza

Enoturismo em Mendoza

O melhor do vinho argentino

 

AD 90 pontos

ALTO LAS HORMIGAS MALBEC RESERVA 2009

Altos las Hormigas, Mendoza, Argentina. Aromas de frutas lembrando ameixas e morangos, notas de violetas e de especiarias doces, além de toques tostados, minerais e de frutos secos. Em boca, é frutado, encorpado, tem boa acidez, ótimo volume de boca, taninos finos e final longo e persistente. Ótimo ao lado de carnes vermelhas mais gordurosas grelhadas ou assadas. EM

AD 93 pontos

CARMELO PATTI CABERNET SAUVIGNON 2004

Carmelo Patti, Mendoza, Argentina. Personalidade e complexidade não faltam aos vinhos de Carmelo Patti, pequeno produtor que vem ganhando destaque na Argentina, produzindo apenas três vinhos. Este Cabernet de 2004 está no auge e chama atenção pela sofisticada textura dos taninos, rugosos, porém arredondados. Conserva deliciosa fruta negra (ameixas). VS

AD 91 pontos

FINCA LOS NOBLES MALBEC VERDOT 2006

Luigi Bosca, Mendoza, Argentina. Blend de Malbec e Petit Verdot com aromas complexos de frutas negras e vermelhas maduras lembrando ameixas e cerejas, notas florais, minerais, tostadas e de especiarias doces. No palato, é frutado, potente, untuoso, tem taninos macios, boa acidez e final longo e persistente. EM

AD 89 pontos

LAGARDE VIOGNIER 2012

Lagarde, Mendoza, Argentina. Viognier com deliciosos aromas de frutas brancas e tropicais maduras, típicas notas florais, minerais e herbáceas. No palato, confirma as frutas do nariz, é equilibrado, tem bom volume de boca, acidez refrescante e final persistente e agradável, pedindo mais um gole. Experimente com peixes brancos grelhados ou frutos do mar. EM

AD 93 pontos

NORTON GERNOT LANGES 2006

Bodega Norton, Mendoza, Argentina. 80% Malbec, 10% Cabernet Sauvignon e 10% Cabernet Franc. Típicos aromas de cassis, ameixas e cerejas maduras, notas florais, herbáceas e minerais, além de toques especiados, tostados e de chocolate. Em boca, tem ótima estrutura e maravilhosa textura de taninos. É estruturado, equilibrado, potente, tudo acompanhado por uma gostosa acidez que aporta vivacidade ao conjunto. EM

AD 89 pontos

SUSANA BALBO SIGNATURE CABERNET SAUVIGNON 2009

Domínio del Plata, Mendoza, Argentina. Vinho potente, com acidez inquietante e firmes taninos. Especiarias picantes se unem às frutas negras frescas que explodem no paladar. Muito gastronômico e autêntico, com longo potencial de guarda, harmoniza com morcillas e outros típicos pratos mendocinos. VS

AD 89 pontos

TRIVENTO GOLDEN RESERVE CHARDONNAY 2011

Bodegas Trivento, Mendoza, Argentina. Aromas de frutas brancas e tropicais permeados por pronunciadas notas lácteas, de baunilha e de frutos secos, além de toques florais, minerais e de infusão de camomila. Em boca, confirma esse estilo cremoso e untuoso, é equilibrado, tem boa acidez e final médio, com traços tostados. EM

AD 93 pontos

WHITE STONES CHARDONNAY 2009

Catena Zapata, Mendoza, Argentina. Elaborado com uvas provenientes do vinhedo Adrianna, este é um Chardonnay de tamanho corpo e estrutura que chega a ser mastigável. Acompanha carnes grelhadas com surpreendente desenvoltura. Frutas, minerais e madeira muito bem integrados, fazem deste vinho um dos melhores brancos argentinos. VS

AD 89 Pontos

ZUCCARDI TORRONTÉS SÉRIE A 2011

Família Zuccardi, Mendoza, Argentina. As uvas são de Salta, uma das regiões vitícolas de maior altitude atualmente. Facilmente superam os 2.000 metros acima do nível do mar, o que garante temperaturas mais amenas. Este é um vinho de exuberantes aromas minerais e frutados, muito limpos e refrescantes, lembrando abacaxi com limão e ervas. VS

Veja também:

Notícias de Mendoza

Harmonização com pratos típicos da Argentina

+ Mais rótulos de Mendoza avaliados pela ADEGA


Notícias Mendoza Argentina vinhos argentinos enoturismo em Mendoza

Artigo publicado nesta revista


Douro Primeira Prova

Assine

Impressa
1 ano
Impressa
2 anos
Digital
1 ano
Digital
1 ano

Assine InnerImpressaImpressaDigitalDigital
1 ano2 anos1 ano1 ano
Edições12241224
Comprando Avulso você pagariaR$ 216,00R$ 432,00R$ 216,00R$ 432,00
Assine Agora porR$ 216,00R$ 432,00R$ 64,80R$ 100,00
Desconto
EconomizaR$ 151,20R$ 332,00
Parcelado sem juros no cartão de crédito 3x R$ 72,00 6x R$ 72,00
Assinando agora você GANHA também Guia ADEGA Guia ADEGA Vinhos do Brasil 2018/2019 + Poster "as cores do vinho"

Boletim Revista ADEGA

Receba no seu email grátis destaques de conteúdo e promoções exclusivas