Revista ADEGA
Busca

Dia Mundial da Sauvignon Blanc

Precisa de motivo para abrir um Sauvignon Blanc? Aqui está!

Conheça alguns fatos e curiosidades sobre a variedade


Sauvignon Blanc tem suas origens ligadas ao Vale do Loire
Sauvignon Blanc tem suas origens ligadas ao Vale do Loire

O mundo celebra a uva Sauvignon Blanc neste dia 6 de maio e como todo apreciador de vinho adora ter uma história para contar, a gente resolveu falar um pouco para você sobre essa uva branca de origem francesa.

A origem da Sauvignon Blanc passou muitos anos sendo disputada entre as regiões de Bordeaux e do Vale do Loire. Até que os exames de DNA chegaram aos laboratórios de pesquisas de vinhas e ficou decidido que ela nasceu mesmo foi no Loire, filha de uma variedade de uva muito antiga, chamada Savagnin. É lá no Loire onde existem duas apelações com vinhos da Sauvignon Blanc que você, enófilo, precisa conhecer: Sancerre e Pouilly-Fumê.

Você sabia?

O nome "Sauvignon" deriva de duas palavras francesas: “sauvage” (selvagem) e “vigne” (vinha) e da combinação da Sauvignon Blanc com a Cabernet Franc (“franc” significa franca, verdadeira) nasceu (na natureza, não pelas mãos do homem) a Cabernet Sauvignon, que leva os nomes do pai e da mãe e é a combinação entre uma uva branca e uma tinta.

No Loire os primeiros registros dessa variedade são dos anos 1500 e Bordeaux, para onde ela foi em seguida já registra essa variedade desde 1750. Na Europa ela foi parar na DO de Rueda, na Espanha e em La Mancha, além de ser uma das variedades brancas do Piemonte e do Collio e Friuli, na Itália.

Precisa de motivo para abrir um Sauvignon Blanc? Aqui está!
Sancerre no Vale do Loire, um dos melhores terroirs para a Sauvignon Blanc

O perfil da Sauvignon Blanc muda completamente quando, no final do século passado, ela vai para os países do novo mundo, com enorme sucesso, como a Austrália, Nova Zelândia, África do Sul e Chile. O escritor e especialista em uvas e vinhos OZ Clarke afirma em um de seus livros que existe uma história dessa uva na Europa (e lá ela fala sobre os terroirs onde é cultivada e somente isso) e uma história (muito mais interessante, segundo ele) dessa uva quando ela chega na região de Marlborough, na Nova Zelândia, onde ela se expressa completamente. "Esses são os verdadeiros clássicos da Sauvignon Blanc", desafia Oz Clarke.

Ervas (como arruda) e frutas (cítricas em geral e também tropicais), aspargos e folhas compõem o perfil aromático da maioria dos Sauvignon Blanc. Frescor, acidez, vibrância, são alguns dos descritores desses vinhos brancos marcantes, que não passam despercebidos, quer seja uma questão de amor ou não.

ADEGA degusta centenas de Sauvignon Blanc todos os anos, assim nada melhor do que consultar o Melhor Vinho para entender perfeitamente as muitas qualidades dos vinhos dessa uva. Lá poderá encontrar tanto os "antigos clássicos" Sancerre e Pouilly-Fumê como os novos clássicos do Chile, da Nova Zelândia, Argentina, Austrália e até os modernos exemplares brasileiros. Um brinde!

E para encontrar os mais bem pontuados Sauvignon Blancs das melhores importadoras do Brasil, clique aqui.

Silvia Mascella Rosa
Publicado em 06/05/2022, às 03h30


Mais Mundovino