Mundo Vino

Terre Alfieri, a nova DOCG do Piemonte

Região conta com 40 hectares de vinhedos e é baseada em duas castas


 

Nova DOCG está localizada nas províncias de Asti e Cuneo

A região italiana do Piemonte, casa de vinhos como Barolo, Barbera e Barbaresco, ganhou uma nova DOCG, Denominação de Origem Controlada e Garantida, o nível mais elevado na classificação de vinhos da Itália.

LEIA MAIS

» Os vinhos de Piemonte

» Queijos com vinhos piemonteses, grande harmonização

Terre Alfieri, localizada entre as províncias de Asti e Cuneo, tem uma área de 40 hectares de vinhedos baseados em duas uvas, a branca Arneis e a tinta Nebbiolo. Para ter direito de usar a nova DOCG os produtores têm que usar ao menos 85% dessas uvas em seus vinhos.

O nome remete ao Conde Vittorio Alfieri, poeta e dramaturgo, que nasceu em Asti em 1749.

“Este é o resultado que não apenas enriquece a gama de nossas DOCGs, mas também toda nossa cena vínica”, destaca Filippo Mobrici, presidente do Consorzio Barbera d’Asti e Vini del Monferrato, órgão responsável pelas regras da nova DOCG.

Além do vinho DOCG Terre Alfieri, há também a possibilidade de vinhos “Superiore” – com amadurecimento de pelo menos seis meses para os vinhos de Arneis e 12 meses para os Nebbiolo. Para a casta tinta a DOCG permite ainda a produção de um vinho “Reserva” com ao menos 24 meses de amadurecimento sendo pelo menos 12 meses em barricas de carvalho.

» Receba as notícias da ADEGA diretamente no Telegram clicando aqui  

André De Fraia

Publicado em 3 de Dezembro de 2020 às 13:00


Notícias Piemonte DOCG Terre Alfieri Vinho Nebbiolo Arneis