Mundovino

Venda de vinhos no Brasil tem novo recorde histórico

Relatório da União Brasileira de Vitivinicultura aponta para mais um ano espetacular para o produtor nacional


Primeiro semestre de 2021 registrou aumento de venda de vinhos em relação ao ano de 2020

Pelo andar da carruagem o recorde de 2020 de comercialização de vinhos brasileiros será aniquilado.

De acordo com o relatório da União Brasileira de Vitivinicultura, a UVIBRA, o primeiro semestre de 2021 foi o melhor da história para as três categorias que o órgão divide o mercado: os vinhos finos com um aumento de 41,15%, espumantes brut subiram 52,03% e moscatéis 43,3%. Números comparados ao já incrível ano de 2020.

O mercado de suco de uva – outro segmento apurado pela UVIBRA – também teve alta, subindo 3,56%.

Os números alcançados nesse primeiro semestre são tão expressivos que correspondem praticamente a toda comercialização registrada em 2019.

“Estamos colhendo o que plantamos há muitas safras. Não é por acaso que o vinho brasileiro vive este reconhecimento pelos próprios brasileiros. Muito investimento foi feito, o que proporcionou uma grande transformação nos últimos 10 anos”, destaca Deunir Argenta, presidente da UVIBRA.

“Aprendemos, depois de muita tentativa e erro, além de estudos, que tudo começa no vinhedo e é a partir dele que o nosso vinho vem conquistando cada vez mais consumidores”, finaliza Argenta.

Vale lembrar que o relatório da UVIBRA leva em conta apenas os números de comercialização de produtos elaborados no Rio Grande do Sul, principal produtor brasileiro.

» 10 dicas que você precisa saber para subir um degrau no mundo do vinho

» Terroir, tanino, perlage: um guia com os principais termos do mundo do vinho

» Como Winston Churchill bebeu 42 mil garrafas de Champagne

Receba as notícias da ADEGA diretamente no Telegram clicando aqui  

André De Fraia

Publicado em 13 de Agosto de 2021 às 18:00


Mundovino Brasil Vinho Vendas Comércio Recorde de vendas 2021 Números de vendas 2021 no Brasil